Bruno Soares é eliminado por russos nas oitavas em Miami

Neste domingo (25), ocorreram as partida válidas pelas oitavas de final da chave principal de duplas do Masters 1000 de Miami, nos Estados Unidos. Único tenistas brasileiro ainda na disputa, o mineiro Bruno Soares enfrentou a dupla composta pelos jovens russos Karen Khachanov e Andrey Rublev.

Ao lado do escocês Jamie Murray, o brasileiro acabou sendo derrotado pelo placar de dois sets a um, com parciais de 4/6 7/5 e 10/2, depois de uma hora e 20 minutos de partida.

Nas quartas de final, a parceria da Rússia encara os cabeças de chave número três do torneio - Oliver Marach da Áustria e Mate Pavic da Croácia - que vem de vitória sobre os irmãos alemães Alexander e Mischa Zverev por dois sets a zero, com parciais de 7/5 e 6/4, em uma hora e 28 minutos.

"Foi um jogo duro. Estou decepcionado. Jogamos bem melhor do que os caras. Controlamos o jogo todo, mas infelizmente eles jogaram melhor do que a gente nos últimos dez minutos de partida. Era um jogo que a gente poderia ter tranquilamente matado em dois sets. A gente vinha jogando super bem, começou bem, mas não conseguimos aproveitar as oportunidades que tivemos. Perdemos um game bobo no 5/5 e no tiebreak eles jogaram muito bem," analisou o mineiro, depois da derrota.

"Não teve o que fazer. Não era o que a gente gostaria, ainda mais em um torneio como o de Miami. Mas não tem que ficar lamentando muito. Tenho que voltar pra casa e pensar na temporada de saibro," completou.

Na primeira rodada, Bruno e Jamie haviam passado pela a dupla composta pelo norte-americano Ryan Harrison e o bielorrusso Max Mirnyi por dois sets a zero, com parciais de 6/3 e 6/4, em uma hora e seis minutos.

O melhor do tênis mundial, você acompanha na VAVEL Brasil.

VAVEL Logo