Stephens se mostra positiva após vice de Roland Garros: "Não estou satisfeita, mas muito orgulhosa"

Estadunidense caiu para a número um do mundo Simona Halep neste sábado (9) por 2 sets a 1 e mostrou, em coletiva de imprensa, que deixará Paris de cabeça erguida

Stephens se mostra positiva após vice de Roland Garros: "Não estou satisfeita, mas muito orgulhosa"
Foto: Mike Frey/Getty Images

Sloane Stephens, apesar de uma derrota, que, para a maioria dos tenistas, seria brutal, não se mostrou muito abalada. Após vencer o primeiro set por 6/3, a estadunidense não segurou o nível e perdeu a final de Roland Garros por 6/4 e 6/1, contra a número um do mundo, Simona Halep.

Entretanto, em coletiva de imprensa, não afirmou em momento algum que estava decepcionada consigo mesma. Pelo contrário: afirmou que, apesar de insatisfeita, sentiu-se muito orgulhosa do que fez, atribuindo todos os méritos a Simona Halep.

"Ela [Simona Halep] elevou seu nível jogo, e não tem muito o que se possa fazer sobre isso. Eu competi o melhor que pude, mas a melhor jogadora venceu a partida hoje", admitiu.

A espera acabou! Halep vira contra Stephens e vence seu primeiro Grand Slam após perder três finais

Quando questionada sobre como se sentia acerca do fato de ter perdido uma final tão importante como aquela, Stephens encarou o fato de forma positiva, evidenciando o título no US Open de 2017.

"Obviamente, estar numa final de Slam é muito especial, poucos jogadores chegam a este tipo de partida, então o fato de que eu tenha ganhado um e chegado à final de outro em tão pouco tempo me deixa muito positiva. Eu não estou satisfeita, mas estou muito orgulhosa de mim mesma", afirmou.

Stephens também respondeu à imprensa como sua atitude mental positiva, dentro e fora de quadra, poderia ajudá-la a ter Slams mais bem-sucedidos.

"Em qualquer coisa que faça, quando você tem uma boa atitude, você se dá uma oportunidade de que algo bom aconteça, e funciona melhor quando se tem uma atitude melhor. Eu vou permanecer com esse pensamento e esperar melhores resultados", ressaltou.

A estadunidense, em sua última pergunta, foi informada de que seria a quarta colocada no ranking da WTA após a final em Roland Garros. Em seguida, foi indagada como planejava se manter lá (no top 10).

"Não é uma prioridade agora. É ótimo que eu seja número 4, mas os rankings são o que são, e eu espero ficar lá, melhorar meu jogo, mas não é algo que eu pense sobre", disse.

Sloane Stephens ainda não tem nenhum torneio programado para a temporada de grama, na preparação para Wimbledon.