Konta passa por Vikhlyantseva em jogo duro e avança à segunda rodada em Wimbledon

Britânica precisou jogar quase duas horas, apesar de dois sets, para eliminar a russa em sua estreia no major

Konta passa por Vikhlyantseva em jogo duro e avança à segunda rodada em Wimbledon
Foto: DANIEL LEAL-OLIVAS/AFP/Getty Images
#24 Johanna Konta
2 0
#103 Nat. Vikhlyantseva

A britânica Johanna Konta está em busca de seu melhor nível de tênis para repetir as semifinais conquistadas em 2017. Nesta terça-feira (3), ela venceu em dois sets a russa #103 Natalia Vikhlyantseva, com parciais de 7/5 e 7/6(9), em 1h49 de partida pela primeira rodada de Wimbledon. Foi a primeira partida entre as duas.

As estatísticas mostraram uma Konta sólida, com bons números nos dois sets, e uma Vikhlyantseva inconstante, alternando entre momentos de erros e momentos de winners. Ao todo, a britânica conseguiu 30 bolas vencedoras e 20 erros não-forçados, enquanto a russa marcou 19 winners e 21 erros não-forçados. No serviço, a ex-top 10 também mostrou um nível razoável, conseguindo seis aces, duplas faltas e 60% de primeiro serviço. Sua adversária teve problemas para servir, tendo quatro aces, nove duplas faltas e 58% de primeiro saque.

A partida começou com certa tranquilidade para as sacadoras durante a maioria dos games, sendo estes confirmados sem perder sequer dois pontos. No 3/3, quando Vikhlyantseva serviu, Konta salvou dois game points para igualar em 40-40, e ainda conseguiu um break point: o único do set que não foi convertido. Logo após, a russa salvou o seu saque e o confirmou. Os três games seguintes foram muito tranquilos, a ponto de as sacadoras só terem perdido um único ponto nesses games. O próximo game foi a única quebra do set, vencido por Konta, que sacou para o set sem problemas, fechando-o por 7/5.

O segundo set já começou com uma tranquila liderança da britânica, que abriu 2/0 e sustentou essa quebra até o 4/3, em que teve 0-40, salvou dois break points, mas cedendo seu serviço terceiro. No próximo serviço dela, no 4/5, precisou salvar dois set points para se manter viva no set, e conseguiu, levando o jogo ao tie break em seguida.

Nele, a ex top 10 quebrou o serviço de Vikhlyantseva por várias vezes, abrindo 6-2 e tendo quatro match points. Resultado: perdeu todos, deixando empatar em 6-6. Teve mais um match point no 7-6, igualmente perdendo-o. Por fim, um mp no 8-7, que vencendo-o foi o suficiente para vencer a partida, classificando-se para a segunda rodada.

Com a vitória, Johanna Konta enfrentará a eslovaca #33 Dominika Cibulkova, que venceu a francesa Alizé Cornet por dois sets a zero. A britânica precisará vencer várias partidas se quiser manter seu status de top 30. Caso ela caia na segunda rodada, cairá para, no mínimo, #44 do ranking. Ao menos, o confronto direto é favorável para a britância, que lidera por duas vitórias contra uma da eslovaca, sendo as três partidas na quadra dura.