Pliskova consegue virada épica contra Buzarnescu e segue em Wimbledon

Tcheca teve de virar jogo com 6/3 e 4/1 favoráveis para romena, mas conseguiu manter viva a esperança de um primeiro título de Slam

Pliskova consegue virada épica contra Buzarnescu e segue em Wimbledon
Foto: Clive Mason/Getty Images
#8 Karolina Pliskova
2 1
#28 Mihaela Buzarnescu

Karolina Pliskova segue fazendo a melhor edição de sua carreira em Wimbledon, avançando à segunda semana pela primeira vez. Nesta sexta-feira (6), a tcheca eliminou a embalada #28 Mihaela Buzarnescu em três sets, com parciais de 3/6, 7/6(3) e 6/1, numa virada épica, em 1h59 de partida válida pela terceira rodada no major inglês.

Nos números, a partida traduziu duas tenistas inconstantes. Em metade da partida, Buzarnescu dominou a partida quando Pliskova esteve apagada. Na outra metade, a tcheca dominou a partida quando a rival esteve apagada. Em poucos momentos, houve uma partida realmente equilibrada.

Sob uma visão geral, a tcheca teve um desempenho um pouco superior: foram 17 winners e 18 erros não-forçados, enquanto a romena teve 23 bolas vencedoras e 27 erros não-forçados, que vieram em peso no terceiro set. No serviço, a ex-número 1 mostrou a sua superioridade: foram seis aces contra apenas um da oponente, vencendo 75% dos pontos com o primeiro saque, ao passo que Buzarnescu venceu apenas 63%.

Esta é apenas a segunda vez que Pliskova consegue virar o jogo após perder o primeiro set em Wimbledon. A primeira foi em 2014, quando venceu Karin Knapp por 10/8 no terceiro set. Ela segue fazendo a sua melhor campanha nesse torneio, superando as cinco vezes em que perdeu na segunda rodada. Quanto a Buzarnescu, chegará em um número arredondado com a derrota: é a 30ª vez na carreira que desperdiça uma partida após vencer o primeiro set, a oitava nessa temporada.

Com mais uma vitória, Karolina Pliskova avança às oitavas-de-final, tendo adversária a holandesa #20 Kiki Bertens, que eliminou a pentacampeã Venus Williams em uma maratona de três sets. As duas, com a partida em Wimbledon, terão se enfrentado em todas as superfícies, incluindo o carpete. O confronto direto é liderado pela tcheca, que tem duas vitórias e uma derrota.

Quando perguntada sobre a holandesa em entrevista, Pliskova foi precisa. "Ela está em uma temporada incrível. Jogou a final de Madrid, e jogou muitos outros bons torneios nessa temporada. Com certeza ter vencido a Venus deu a ela uma confiança muito grande. Então, será uma partida dura. A Venus teve bons momentos, maus momentos, tudo aconteceu na partida. Eu não sei se ela [Bertens] tem o jogo ideal para a grama. Mas ela está na quarta rodada. Vai ser duro, com certeza", destacou.