Em encontro de compatriotas, Andy Murray eleva nível e elimina Kyle Edmund

Segundo confronto entre os britânicos na temporada resultou em vitória para ex-número um

Em encontro de compatriotas, Andy Murray eleva nível e elimina Kyle Edmund
Foto: Divulgação/Citi Open
#832 Andy Murray
2 1
#18 Kyle Edmund

Pela primeira vez em mais de um ano, Andy Murray voltou a vencer duas partidas consecutivas. Nesta quarta-feira (1º), o ex-número 1 mundial venceu seu compatriota #18 Kyle Edmund, 23 anos, por dois sets a um, com parciais de 7/6(4), 1/6 e 6/4, em 2h32 de partida válida pela segunda rodada do ATP 500 de Washington, nos Estados Unidos.

Murray não vencia duas partidas em sequência desde Wimbledon em 2017, quando avançou às quartas de final. Também é o primeiro top 50 que o britânico venceu desde a vitória em Wimbledon contra Benoit Paire. Contra Edmund, Murray havia caído em Eastbourne nesta mesma temporada, em partida de dois sets.

O britânico de 31 anos voltou a abrir vantagem no confronto direto, tendo agora três triunfos contra apenas um de Edmund, que perdeu pela 12ª vez para um tenista compatriota, a primeira desde 2016.

A partida se iniciou de forma equilibrada, com ambos os tenistas confirmando seus serviços de forma complicada no primeiro set, mas sem nenhuma quebra de serviço. No décimo primeiro game, Edmund conseguiu uma valiosa quebra, servindo em 6/5. Mas Murray elevou o seu nível e levou o set ao tie break, vencendo-o por 7-4.

No segundo set, Edmund melhorou consideravelmente o seu jogo, agindo de forma ainda mais agressiva, mas desta vez, reduzindo a quantidade de erros, o que rendeu a ele duas quebras de vantagem e 63% dos pontos da parcial, fechando-a por 6/1.

No set final, Murray aumentou sua porcentagem de primeiro serviço, dificultando as devoluções de seu adversário e confirmando seus games de saque com tranquilidade, o que não rendeu a Edmund nenhum break point. Nos games finais, o ex-número 1 se mostrou melhor mentalmente e começou a pressionar ainda mais o serviço de seu oponente, resultando numa quebra no 5/4, que deu a ele o passaporte às oitavas do torneio na equência.

Com o resultado, Murray já consegue um salto de aproximadamente 300 posições no ranking, adentrando o top 600 da ATP, podendo avançar ainda mais caso venha a vencer seu adversário das oitavas, o #93 Marius Copil, de 27 anos. Eles têm apenas um encontro no circuito profissional, no saibro, com vitória do britânico em dois sets.