Azarenka sente lesão, abandona partida após vencer primeiro set e Collins avança em San José

Bielorrussa foi forçada a se retirar por conta de lesão nas costas quando placar marcava 7/6(4) 0/3, e norte-americana ficou com a vaga nas semifinais

Azarenka sente lesão, abandona partida após vencer primeiro set e Collins avança em San José
Foto: Divulgação/WTA
#108 Viktoria Azarenka
1* 0
#42 Danielle Collins

A #108 Viktoria Azarenka e a #42 Danielle Collins protagonizavam um grande jogo, váliddo pelas quartas de final do Mubadala Silicon Valley Classic, em San José, mas que não acabou por causa do abandono da bielorrussa devido à uma lesão nas costas. Azarenka venceu a primeira parcial por 7/6(4), mas não resistiu e abandonou a partida perdendo o segundo set por 0/3.

Durante a 1h40 que durou o jogo, vimos duas grandes tenistas em quadra, buscando a vitória a todo custo, mesmo com alguns erros, demonstrados na grande quantidade de break points que o primeiro set teve. Collins teve dez break points contra e obteve 80% de êxito em salvá-los, já Azarenka conseguiu salvar dois dos quatro em que foi posta à prova.

O primeiro set poderia ter sido menos complicado para a tenista europeia, já que conseguiu liderar por 5/3, mas fraquejou nas duas oportunidades em que teve o saque para fechar o set. No fim, a decisão acabou sendo no tie break, com vitória de Azarenka por 7/6(4).

No segundo set, Azarenka demonstrou o problema físico que a obrigou a se retirar da partida. Apesar de tentar segurar o jogo no fundo de quadra, trocando bolas com Collins, a ex número 1 do mundo foi quebrada duas vezes e, assim, pediu atendimento médico e não voltou mais, depois da estadunidense abrir 3/0.

Como não tem mais pontos a defender até o fim do ano, devido seu afastamento das quadras por causa da maternidade e da posterior briga judicial pela guarda do seu filho, Azarenka ganha cem pontos por sua participação em San José e, provavelmente, terminará a semana no Top 100 do ranking da WTA. Apesar de inscrita e já com adversária da estreia definida no WTA Premier do Canadá – a francesa Kristina Mladenovic - não se sabe se ela participará do torneio em Montreal, que inicia na próxima semana.

Se de um lado há lamentação, de outro, com certeza, há comemoração, mesmo que de uma forma mais tímida pela forma como se deu o jogo, por parte de Danielle Collins. A americana chega à sua segunda semifinal de WTA, repetindo o feito de Miami neste ano. Por uma vaga à decisão do Mubadala Silicon Valley Classic, vai enfrentar a grega #49 Maria Sakkari, que derrubou Venus Williams na semifinal.