Nadal sofre nos momentos finais, mas vence Tsitsipas e garante título do Masters 1000 de Toronto

Espanhol dominou primeiro set, viu aniversariante reagir na segunda parcial a precisou elevar o nível para conquistar título da Rogers Cup

Nadal sofre nos momentos finais, mas vence Tsitsipas e garante título do Masters 1000 de Toronto
Foto: Divulgação / Rogers Cup
#1 Rafael Nadal
2 0
#27 Stefanos Tsitsipas

O espanhol #1 Rafael Nadal é o grande campeão do Masters 1000 de Toronto. O 'Toro Miúra' conquistou o título ao bater o aniversariante #27 Stefanos Tsitsipas, sensação do torneio, por 2 sets a 0, parciais de 6/2 e 7/6 (4), em 1h41 de partida. Com a conquista, Nadal sagrou-se tetracampeão do torneio canadense. Venceu dois anos em Montreal (2005 e 2013) e agora dois anos em Toronto (2008 e 2018). 

O grego começou o jogo sem a mesma consistência apresentada durante toda a semana. Nadal soube se aproveitar das falhas do adversário e conseguiu duas quebras de saque consecutivas. Firme no fundo da quadra, o espanhol viu Tsitsipas se perder em meio aos seus próprios erros. Com tranquilidade, fechou a parcial em 6/2 e saiu na frente. Vale ressaltar que número um do mundo terminou o set com 100% de aproveitamento de pontos ganhos com o primeiro serviço. 

Nadal não deixava o aniversariante entrar no jogo em momento algum. Logo no primeiro game do segundo set conseguiu quebrar o saque do grego e abriu 2/0. Tsitsipas tentava reagir, mas o espanhol respondia com bolas incríveis e seguia dominando. Sacando muito bem, Nadal seguia sem ser incomodado em seus games de serviço. O grego entrou na partida, mas o líder do ranking mundial não dava brechas para o adversário devolver a quebra.  

Os tenistas foram confirmando seus serviços e o espanhol sacou para o título no décimo game. Nesse momento, o 'Toro Miúra' parece ter sentido um pouco a pressão. Cometeu dois erros não forçados e uma dupla falta, dando ao grego dois break points. Com um erro praticamente no pé da rede, perdeu seu saque e viu Tsitsipas empatar em 5/5. No 12º game, Nadal voltou a ceder pontos de graça para o jovem de 20 anos e enfrentou um set point. Em um ponto incrível, onde a bola desviou na fita por duas vezes, o espanhol conseguiu salvar o set point e manter-se vivo.

A decisão da parcial foi para o tie break, onde Tsitsipas começou se impondo e conseguiu uma mini quebra logo no terceiro ponto. Porém, logo em seguida cometeu um erro bobo com seu forehand e perdeu a vantagem. Posteriormente, foi a vez de Nadal aproveitar-se de uma falha do grego e ter a supremacia. O espanhol abriu 6 a 4 e chegou ao duplo match point. Com um winner, fechou em 7/6 e sagrou-se campeão da Rogers Cup.

Este foi o 80º título de simples na vitoriosa carreira do 'Toro Miúra', o 33º de Masters 1000. Tsitsipas, por sua vez, entrará no top 15  pela primeira vez na curta carreira após a bela campanha feita nesta semana no Canadá.