Kerber prevalece contra Osaka no duelo das últimas campeãs de Slam em Singapura
Foto: Divulgação/WTA

Em um dos pisos que mais ajudam o seu estilo mais de contra-ataque, a #2 Angelique Kerber, cabeça de chave número um do WTA Finals, superou um confronto com muitos rallies, trocas de bola e erros contra a japonesa #4 Naomi Osaka, por 6/4, 5/7 e 6/4, em 2h33. Em duelo das duas últimas campeãs de Slam, que perderam na estreia, a veterana mostrou muita força, foco e agressividade para vencer sua jovem rival na segunda rodada do Grupo Vermelho

Atual número dois do ranking, Kerber logo chegou se impondo de forma agressiva, quebrando os dois primeiros games de serviço de Osaka na partida e não deixou a japonesa impor seu ritmo no jogo. Muito firme no set, Kerber se manteve focada e fez 5/3, devolvendo muito bem no saque da japonesa, fechando na sequencia a primeira parcial por 6/4, impedindo assim qualquer recuperação, reação ou empolgação de japonesa no set.

Na base da potência e velocidade nas trocas de bolas, Osaka foi para o tudo ou nada para cima de Kerber com a muita variação tática. Tentando entrar mais na quadra para equilibrar de vez a partida, a japonesa se manteve na base do saque até o 5/5. Graças à irregularidade da alemã em alguns momentos do jogo, com quatro duplas faltas, Osaka não perdoou e fez 6/5 não deixando assim escapar sua vantagem, fechando o segundo set por 7/5, após 49 minutos de parcial.

Após o susto e querendo muito vencer o set final, Kerber chegou comandando de forma implacável o jogo, quebrando o quarto game de serviço de Osaka e não deixou a japonesa perdida sem ritmo e saída no jogo. Muito firme de fundo, a alemã se manteve impávida e fez 5/4, devolvendo muito no saque da japonesa, fechando com seu saque a última parcial por 6/4, garantindo uma vitória essencial na sua briga por vaga às semifinais.

Na outra partida do dia em Singapura, a líder da chave com duas vitórias, Sloane Stephens, derrotou Kiki Bertens em três sets. Na sexta-feira (26), Kerber enfrenta Stephens, enquanto Osaka joga contra Bertens.

VAVEL Logo