Pliskova sai atrás, mas consegue vencer Brengle no Australian Open
Foto: Divulgação/WTA

Pliskova sai atrás, mas consegue vencer Brengle no Australian Open

Tcheca precisou jogar três sets para superar número 88 da WTA e avançar à terceira rodada

henrique
Gabriel Matos

Mantendo a sua invencibilidade em 2019, a #7 Karolina Pliskova precisou jogar mais do que esperava nesta quarta-feira (16) ao vencer a americana #88 Madison Brengle por dois sets a um, com parciais de 4/6, 6/1 e 6/0, em 1h38 de partida pela segunda rodada do Australian Open de 2019.

Ao triunfar sobre sua adversária, a ex-número um mundial alcança a terceira rodada do major australiano pela quinta vez consecutiva, falhando pela última vez em 2014, quando caiu para a eslovaca Daniela Hantuchova em mais de três horas de jogo.

A vitória contra Brengle mantém Pliskova na briga pelo número um do mundo, disputa que envolve oito jogadoras presentes no torneio. Além disso, a tcheca preservou sua invencibilidade na temporada, tendo seis vitórias em seis partidas, conquistando o título de Brisbane, única competição disputada antes do início do Australian Open.

Em quadra, a tcheca teve um início lento, com apenas 53% de primeiro serviço no set inicial, permitindo que a americana conquistasse a primeira parcial em 6/4. A partir daí, Pliskova melhorou consideravelmente seu saque além de aumentar seus winners, vencendo 12 dos 13 games seguintes com 45 winners e 29 erros não forçados contra 16 bolas vencedoras e 24 erros de Brengle, cujo saque mais veloz em toda a partida foi de 138 quilômetros por hora.

Na terceira rodada, a bicampeã de Brisbane enfrentará a #27 Camila Giorgi, da Itália, que passou em dois sets pela promessa polonesa #178 Iga Swiatek. Elas já se enfrentaram cinco vezes no circuito profissional, em que Pliskova venceu quatro confrontos, incluindo o mais recente, realizado em Cincinnati 2017.

VAVEL Logo