Em partida segura, Djokovic derrota freguês Tsonga e segue firme no Australian Open
Foto: Divulgação / Australian Open 

Em partida segura, Djokovic derrota freguês Tsonga e segue firme no Australian Open

Onze anos depois da final em Melbourne, tenistas se reencontram e sérvio vence francês mais uma vez 

caiocarvalho97
Caio Carvalho

Na última partida do dia na Rod Laver Arena, o #1 Novak Djokovic e o wildcard #117 Jo-Wilfried Tsonga reeditaram a grande final de 2008, onde o sérvio conquistou seu primeiro Grand Slam. Assim como há 11 anos atrás, Nole levou a melhor sobre o francês nesta quinta-feira (17). Em um jogo de ótimo nível, o número um do mundo venceu por três sets a 0, parciais de 6/3, 7/5 e 6/4, em 2h04, e aumentou a freguesia do adversário. Essa foi a 17ª vitória de Djokovic em 23 confrontos entre os tenistas.

Apesar de ter perdido em sets diretos, Tsonga deu trabalho para o sérvio. Jogando com agressividade e surpreendendo com boas subidas à rede, o francês teve bom desempenho, mas não foi o suficiente para superar o líder do ranking, que fez uma partida muito segura. 

Djokovic começou o primeiro set abrindo 3/1 com uma quebra no quarto game. Porém, acumulou erros bobos e viu Tsonga devolver o break logo em seguida. Sem se deixar abater, o sérvio pressionou o ex-top 5, embalou a segunda quebra e fez 5/3. Sacando para a parcial, fechou em 6/3 e largou na frente. 

O segundo set foi muito parecido com o anterior, principalmente em relação ao número de quebras. No sétimo game, Djokovic conseguiu o break após um swing volley do francês que bateu na fita e saiu. A vantagem seguiu até o décimo game, quando Nole sacou para a parcial e foi quebrado de zero. 

Entretanto, assim como no set inicial, o sérvio não deixou o adversário gostar do jogo e obteve novo break, fazendo 6/5. Dessa vez, Djokovic não titubeou e fechou em 7/5 com autoridade. 

Na terceira parcial apenas uma quebra decidiu tudo. Em meio a belos pontos e muitas trocas de bola, Tsonga cometeu erros não forçados que acabaram lhe custando seu serviço. Liderando por 4/2, Nole atuou com muita consistência, não cedeu um break point sequer, e liquidou a fatura por 6/4. 

O próximo adversário do dono de seis títulos em Melbourne será o canadense #27 Denis Shapovalov, que passou pelo japonês #78 Taro Daniel em três sets

VAVEL Logo