Eliminado na estreia do Rio Open, Thiem assume atuação ruim: "Não é o nível que devo jogar"
Foto: Fotojump / Flickr Rio Open

Eliminado na estreia do Rio Open, Thiem assume atuação ruim: "Não é o nível que devo jogar"

Austríaco lamentou erros e minimizou a dor no pescoço no início da partida

caiocarvalho97
Caio Carvalho

Campeão em 2017, Dominic Thiem foi eliminado em sua estreia no Rio Open. Cometendo muitos erros e jogando um tênis aquém do esperado, o austríaco foi presa fácil para o sérvio Laslo Djere, que triunfou por 2 sets a 0, com duplo 6/3.

Após a eliminação, o número oito do mundo concedeu entrevista coletiva. Abatido, Thiem assumiu a atuação ruim e se disse chateado com o resultado negativo - essa foi a pior campanha do tenista da Áustria desde sua primeira participação no Aberto do Rio de Janeiro.

"A expectativa era alta, estou chateado, joguei muito mal hoje. Claro que estou desapontado pois esperava estar bem. Esse não é o nível que devo jogar. Foi um dia difícil e ruim para mim".

Perguntado sobre as dores no pescoço e o atendimento médico solicitado ainda nos games iniciais do jogo, o austríaco minimizou o acontecido e disse que foi apenas um incômodo.

"Eu senti o pescoço após uma devolução, chamei o fisioterapeuta porque doía, mas em 15, 20 minutos estava bom de novo. Não fez muita diferença no final da partrida, foi uma dor de momento".

Por fim, Thiem fez uma análise sobre sua performance na derrota para Djere. De acordo com ele, o sérvio foi superior em todos os aspectos.

"Muita coisas não funcionaram hoje, saquei muito mal. Não incomodava muito ele, não conseguia machucá-lo com meus golpes. Ele controlou os pontos e me colocou pra correr. Não tiveram muitas coisas boas hoje, tudo dele estava melhor e isso fez a diferença no resultado final".

VAVEL Logo