Dupla inédita, Azarenka/Zheng superam Krawczyk/Olmos e conquistam título em Acapulco
Foto: Divulgação/Abierto Mexicano Telcel

Dupla inédita, Azarenka/Zheng superam Krawczyk/Olmos e conquistam título em Acapulco

Apesar da improvável dupla, bielorrussa e chinesa acabou levando o título do torneio mexicano

anaracheel
Ana Carneiro

Na decisão de duplas do WTA de Acapulco, a inesperada parceria entre a mamãe Victoria Azarenka e a chinesa Zheng Saisai acabou por levar a melhor em cima da dupla cabeça de chave três, formada por Desirae Krawczyk e pela dona da casa, Giuliana Olmos. Eliminadas nas quartas no torneio de duplas, Azarenka/Zheng venceram com autoridade, com parciais de 6/1 e 6/2, em apenas 56 minutos de jogo, neste sábado (2).

Este título é o primeiro de Azarenka desde a pausa pós-gravidez. É significativo as performances da ex-número um. Depois da ótima final de duplas mistas em Wimbledon com o parceiro britânico Jamie Murray, a bielorrussa voltou a mostrar excelente desempenho, dessa vez nas quadras mexicanas de Acapulco. Em simples, o máximo que Vika conseguiu foi uma semifinal no Premier de San José, em agosto passado.

No caminho para o título, Zheng e Azarenka despachou duplas como Sabrina Santamaria/Alexa Guarachi (cabeças de chave quatro no torneio), Johanna Konta/Laura Siegemund e Maria Sanchez/Sharon Fichman para conquistar o título do Abierto Mexicano Telcel.

Na partida de final, a dupla Azarenka/Zheng conquistou sete quebras de serviço (três na primeira e quatro na segunda parcial) e foi quebrada apenas duas vezes, no segundo set. Apesar das três duplas faltas, elas venceram 72% dos pontos com o primeiro serviço e 54% com o segundo. Na devolução, venceram 61% dos pontos no primeiro serviço das adversárias e 62% no segundo. Dos 84 pontos disputados, conquistaram 54 (64%). 

Azarenka já fez parceria com três tenistas na temporada 2019 (Ash Barty - Australian Open, Dasha Gavrilova - St. Petersburg e agora Zheng Saisai - Acapulco) e deve voltar a entrar em quadra como duplista no Premier Mandatory de Indian Wells, que arranca já na próxima segunda-feira (4).

VAVEL Logo