Wawrinka vence jogo emocionante contra Fucsovics e marca encontro com Federer em Indian Wells
Foto: Divulgação / BNP Paribas Open

O confronto tão esperado pelos fãs de tênis vai acontecer. Em uma partida emocionante que durou 3h24, o #40 Stan Wawrinka bateu o húngaro #31 Marton Fucsovics por 2 sets a 1, parciais de 6/4, 6/7 (5) e 7/5, e garantiu o duelo com seu compatriota #4 Roger Federer na terceira rodada do Masters 1000 de Indian Wells, na Califórnia, Estados Unidos.

Os suíços irão reeditar a final de dois anos atrás, onde Federer triunfou em sets diretos, parciais de 6/4 e 7/5, e sagrou-se tetracampeão do torneio. Esse será o 25° embate entre os dois. No histórico, Stan saiu vencedor apenas três vezes, todas no saibro.

O jogo

O jogo foi bastante parelho do início até o fim. Jogando com muita agressividade, os tenistas incomodavam um ao outro a todo momento. Na primeira parcial foram dois breaks para cada lado até o 10º game, onde Wawrinka aplicou devoluções ofensivas, quebrou o saque do húngaro pela terceira vez e fechou em 6/4.

O segundo set continuou com um bom nível de tênis. Com o forehand afiado, Fucsovics foi com tudo para cima de Wawrinka, que por sua vez teve onze chances de quebra em toda a parcial e aproveitou apenas uma. Porém, o primeiro a conquistar um break foi o húngaro, que chegou a sacar em 5/4, mas não resistiu à pressão do suíço.

Com o placar em 6/6, a decisão foi para o tie-break. Após os dois trocarem mini breaks ao longo do game desempate, Fucsovics venceu um ponto crucial no serviço do adversário. Aproveitando a vantagem mínima, mostrou personalidade e, depois de muita luta, fechou em 7/6 (7-5), levando a partida para o terceiro set.

Apesar da derrota na parcial anterior, Wawrinka não perdeu o foco e começou quebrando o saque do húngaro. Salvando sete break points durante o set, o suíço manteve a liderança no marcador, abriu 5/4 e ficou próximo da classificação. Servindo para a vitória - depois de desperdiçar match points -, voltou a cometer erros bobos e viu Fucsovics ganhar sobrevida ao devolver o break.

Mas o festival de quebras não parou por aí. Fazendo valer a experiência, Stan quebrou o oponente pela segunda vez no set e teve uma nova oportunidade de concretizar o triunfo. Assim como em toda a partida, o ex-top 3 sofreu e precisou salvar break points para, enfim, fechar em 7/5. 

VAVEL Logo