Nos playoffs do Grupo Mundial, Alemanha abre vantagem sobre Letônia na Fed Cup
Foto: Divulgação/WTA

Nos playoffs do Grupo Mundial, Alemanha abre vantagem sobre Letônia na Fed Cup

Com vitórias tensas de Petkovic e Goerges, time alemão se aproxima do Grupo Mundial de 2020

henrique
Gabriel Matos

No primeiro confronto dos playoffs do Grupo Mundial em 2019, a Alemanha venceu suas duas primeiras partidas contra a Letônia e fica a apenas uma vitória no sábado de voltar à elite da Fed Cup em 2020. Sem o principal nome de cada equipe, Anastasija Sevastova (LET) e Angelique Kerber (ALE), a representação da equipe letã ficou com Jelena Ostapenko, ex-top 5, e Diana Marcinkevica, atual 267 do mundo, enquanto que o time alemão foi representado por Julia Goerges e Andrea Petkovic.

O primeiro embate, entre Ostapenko e Petkovic, foi marcado por um número excessivo de erros de ambas as partes, principalmente da letã, que deixou escapar uma liderança de 5/3 no primeiro set e uma quebra acima no segundo. Petkovic venceu por 7/5 e 6/4 em 1h36 de partida, em que Ostapenko cometeu 52 erros não forçados e oito duplas faltas, com somente um ace e 19 winners, enquanto sua adversária cometeu 34 erros não forçados e sete duplas faltas juntamente a 13 winners e três aces.

Já Goerges enfrentou Marcinkevica, que jogou apenas uma partida na WTA em toda a sua carreira, e, com a torcida a seu favor, ainda conseguiu vencer o segundo set por 6/4, mas perdeu o confronto por 6/4, 4/6 e 6/1 em 2h01. A alemã teve quebra a frente em todos os sets, mas não resistiu ao final do segundo, em que perdeu três games em sequência. Ao final, Goerges fez 21 winners e 44 erros não forçados, contra 17 bolas vencedoras e 34 erros não forçados de sua oponente.

Caso confirme a vitória neste sábado (20), a Alemanha voltará a disputar a Fed Cup pelo Grupo Mundial pela sétima vez consecutiva, enquanto que, se a Letônia conseguir a virada, disputará no Grupo Mundial pela primeira vez desde 1994.

VAVEL Logo