Konta vence batalha, surpreende Bertens e garante presença na final de Roma
Foto: Divulgação/WTA

Konta vence batalha, surpreende Bertens e garante presença na final de Roma

Britânica precisou de 2h52 minutos para virar o jogo contra a holandesa e vencer por 5/7, 7/5 e 6/2

mateus-dos-anjos
Mateus Dos Anjos

Após quase três horas de batalha, a britânica #42 Johanna Konta teve mais um capítulo da semana mágica que está vivendo no WTA Premier 5 de Roma. A jogadora de 28 anos virou o jogo contra a holandesa #4 Kiki Bertens, campeã na semana passada do Mutua Madrid Open, e venceu por 2 sets a 1, com parciais de 5/7, 7/5 e 6/2, neste sábado (18).

No primeiro set, houve uma troca de bons momentos entre as duas jogadoras. O começo foi totalmente favorável à Bertens, que chegou a abrir 3/1 de vantagem, porém caiu abruptamente de nível logo após. Konta reagiu bem, chegou a ter a oportunidade de sacar para o jogo, mas sucumbiu. Melhor para a holandesa que jogou um balde de água fria na adversária e venceu a parcial por 7/5.

No segundo set, muito equilíbrio. A parcial começou tendo uma quebra de serviço para cada lado, o que se perdurou até o 11º game, quando Konta conseguiu aproveitar o break point favorável e fechar o set em 7/5, empatando o jogo.

Na última parcial, Konta esteve melhor física e mentalmente. Com um ótimo índice de pontos em seu primeiro serviço, a britânica conseguiu quebrar o serviço de Bertens por duas vezes e fechou o set em 6/2.

Johanna Konta, além de eliminar Bertens, já havia passado pelas campeãs de Slam, Sloane Stephens e Venus Williams. A campanha da britânica já garante para ela a ascensão de 16 posições - da #42 para a #26. Caso vença o título, ela atinge o #22. Konta, que já jogou a final em Rabat há duas semanas, vai em busca de seu primeiro título no saibro na carreira.

A britânica espera na decisão do Internazionali BNL d'Italia a vencedora do confronto entre a tcheca #4 Karolina Pliskova e a grega #39 Maria Sakkari. Esta será a oportunidade de Konta vencer seu quarto título de nível WTA, algo que ela não conquista desde 2017, quando venceu o WTA Premier Mandatory de Miami.

VAVEL Logo