Garcia domina compatriota Paquet e vai em busca do segundo título em Strasbourg
Foto: Divulgação/WTA

Garcia domina compatriota Paquet e vai em busca do segundo título em Strasbourg

Número um da França venceu a partida sem enfrentar break points, com parciais de 6/3 e 6/4

bruno-da-silva
Bruno da Silva

Em partida muito sólida, a #24 Caroline Garcia derrotou a compatriota #223 Chloé Paquet e vai jogar pela segunda vez na carreira a decisão do WTA de Strasbourg. Campeã em 2017, Garcia venceu o confronto de donas da casa com parciais de 6/3 e 6/4, em 1h13, nesta sexta-feira (24).

Este foi o terceiro confronto entre as francesas, e a terceira vitória de Garcia. A número um do país, que não havia jogado nenhuma quarta de final em todo o ano, já garante uma ascensão de duas posições no ranking e, caso vença o troféu, ultrapassa Kasatkina e vai para Roland Garros como 21ª do mundo. Paquet, 24 anos, só tem motivos para comemorar. Ela conquistou em Strasbourg sua maior vitória na carreira - derrotando a #37 Kenin -, a melhor campanha em torneios WTA e ainda vai subir da 223ª para 166ª posição do ranking.

Garcia conseguiu administrar o embalo de Paquet, que havia conseguido impressionantes 39 winners e 12 aces na partida de quartas de final contra Gavrilova. A ex-top cinco não enfrentou nenhum break point em toda a partida e dominou a rival no saque - colocou 77% do primeiro saque em quadra, e venceu 80% dos pontos nessa situação. Para completar, a número um da França disparou 11 aces, incluindo um para fechar o primeiro set e outra para garantir a vitória.

Na decisão do Internationaux de Strasbourg, que acontece neste sábado (25), Garcia encara a cabeça de chave número cinco, #42 Dayana Yastremska, que derrubou nas semifinais a #11 Aryna Sabalenka, com duplo 6/4. Este será o confronto inédito no circuito WTA.

VAVEL Logo