Muguruza supera início complicado e vira contra Townsend no Aberto da França
Foto: Divulgação/Roland Garros

Muguruza supera início complicado e vira contra Townsend no Aberto da França

Campeã de 2016, espanhola buscou virada e avançou à segunda rodada com parciais de 5/7, 6/2 e 6/2

bruno-da-silva
Bruno da Silva

Após um começo complicado, a #19 Garbiñe Muguruza virou para cima da #96 Taylor Townsend na primeira rodada de Roland Garros. Estreando a Quadra Simonne-Mathieu, a campeã de 2016 superou a estadunidense com parciais de 5/7, 6/2 e 6/2, em duas horas, neste domingo (26).

A primeira parcial foi bastante equilibrada, mas Townsend teve uma atuação mais consistente no saque. A estadunidense colocou 76% de seu primeiro saque em quadra, ganhou 68% desses pontos e ainda mais com o segundo serviço - 75%, contra apenas 46% de Muguruza. Além disso, a espanhola cometeu muito mais erros não-forçados - 15, contra apenas seis da rival - , e teve menos winners: 13 a dez.

Townsend foi quebrada em seu único break point no sétimo game, logo após quebrar Muguruza. A parcial se encaminhou sem quebras até o 12º game, quando a espanhola foi quebrada de 40-0 para perder o set: 7/5, em 47 minutos.

Muguruza, semifinalista no ano passado, diminuiu muitos seus erros daí para frente e mostrou um grande nível. A espanhola não enfrentou nenhum break point e cometeu 14 erros no total nos segundo e terceiro sets, contra 15 do primeiro. A espanhola venceu a segunda parcial com 6/2, em 35 minutos. Na terceira, abriu 5/1 e teve três match points no saque de Townsend, que se recuperou de forma espetacular para se manter viva. Porém, no oitavo, a ex-número do mundo não deu chances e embalou quatro winners para fechar em novo 6/2, em 38 minutos.

No total, Muguruza teve 37 winners, nove a mais que Townsend, contra 29 erros não-forçados, contra 26 da rival. As duas cometeram duas duplas faltas cada, e a espanhola disparou um ace a mais: seis a cinco.

Na próxima rodada do Aberto da França, Muguruza enfrenta a #111 Johanna Larsson, que passou na estreia pela #75 Magdalena Rybarikova, parciais de 6/3 e 6/4.

VAVEL Logo