Berrettini supera Khachanov pela segunda vez em duas semanas e avança às semis em Halle
Foto: Divulgação/ATP

Após derrotar Karen Khachanov, #9 no ranking da ATP, pela primeira vez no ATP de Stuttgart, na semana passada, o italiano de 23 anos, Matteo Berrettini, 23° do mundo, passou mais uma vez em sets diretos pelo jovem russo, desta vez com parciais de 6/2 e 7/6(4), em 1h29 de partida, na Quadra Central do ATP de Halle, ampliando o H2H para 3-0, com todas as vitórias em 2019.

O resultado já deixa Berrettini com oito vitórias consecutivas, segunda maior sequência dele na ATP na carreira, sendo a maior delas também em 2019, em que venceu nove confrontos seguidos em Budapeste e Munique. Com isso, o italiano chega às semis de um ATP 500 pela primeira vez em sua vida, já contanto com a pontuação para debutar no top 20.

Khachanov foi dominado ao longo da partida por Berrettini, que não deu quaisquer chances ao seu adversário, salvando todos os quatro break points que oportunizou, além de converter dois em onze oportunidades. Ao fim da partida, o italiano finalizou 36 winners e apenas 17 erros não forçados, contra 16 bolas vencedoras do top 10 e 20 erros não forçados. O saque também esteve ao lado do campeão de Stuttgart, que venceu 85% dos pontos com o primeiro saque ao lado de seis aces e apenas uma dupla falta.

Nas semifinais, Berrettini enfrentará o atual número 33 do mundo e ex-top 10 David Goffin, da Bélgica, que eliminou o top 5 Alexander Zverev em três sets. Será o primeiro encontro entre eles no circuito profissional da ATP.

VAVEL Logo