Menezes perde de virada, mas Monteiro vence no primeiro dia de Brasil e Barbados pela Copa Davis
Foto: Divulgação/CBTênis

Menezes perde de virada, mas Monteiro vence no primeiro dia de Brasil e Barbados pela Copa Davis

Confronto válido pelo Grupo I da competição terminou empatado nesta sexta-feira (13), em Criciúma, Santa Catarina

bruno-da-silva
Bruno da Silva

Em busca de uma vaga nos qualificatórios para a Copa Davis 2020, a equipe do Brasil começou com uma vitória e uma derrota diante de Barbados, pelo Zonal das Américas do Grupo I da competição. As duas partidas foram disputadas na tarde desta sexta-feira (13), em quadras de saibro da Sociedade Recreativa Mampituba, em Criciúma, SC.

Medalha de ouro no Pan-Americano há pouco mais de um mês, o #194 João Menezes, 22 anos, até começou bem, mas perdeu a primeira partida do dia para o #169 Darian King, 27, por dois sets a um, parciais de 3/6, 6/4 e 6/2, em 2h39.

O brasileiro chegou a abrir 5/1 no primeiro set, se complicou um pouco, mas fechou a parcial em seu sexto set point. Na segunda parcial, King chegou a abrir 4/1, antes de Menezes buscar a igualdade no placar, mas, no décimo game, o mais longo do jogo, o número dois do Brasil não conseguiu confirmar seu saque e foi quebrado. No set decisivo, o recém-campeão pan-americano perdeu múltiplos break points logo de cara e não conseguiu reagir a partir disso. Ele só venceu seis pontos em seu saque durante toda a série e acabou perdendo por 6/2.

Melhor tenista ranqueado do Brasil, o #101 Thiago Monteiro não teve muitas dificuldades na sequência. O ex-número 74 do mundo bateu Haydn Lewis, 33 anos, que atualmente está sem ranking e teve como melhor colocação a #583 em 2008. Monteiro fechou a partida com duplo 6/2, em 1h06. Durante toda a partida, o cearense de 25 anos só perdeu um ponto no seu serviço e aproveitou 6/10 break points para garantir a tranquila vitória.

As partidas deste sábado (14) começam às 11h. No confronto de duplas, Bruno Soares e Marcelo Melo enfrentam Darian King e Haydn Lewis. Na sequência, Monteiro enfrenta King e, se necessário, Menezes fecha o confronto contra Haydn. O outro tenista convocado pela equipe brasileira é o #330 Thiago Seyboth Wild, 19 anos.

VAVEL Logo