Zverev derrota Medvedev, elimina Nadal e avança em busca do bicampeonato no ATP Finals
Foto: Divulgação/ATP

Defendendo o título em Londres, o #7 Alexander Zverev entrou em quadra nesta sexta-feira (15) precisando da vitória para se classificar às semifinais do ATP Finals. Zverev cumpriu sua missão em 1h20, derrotando o russo #4 Daniil Medvedev por dois sets a zero, parciais de 6/4 e 7/6(4), pela rodada decisiva do Grupo André Agassi. Este foi o sexto confronto entre os dois, e a quinta vitória do alemão. Além de classificar, o atual campeão eliminou o #1 Rafael Nadal, que venceu mais cedo o #6 Stefanos Tsitsipas.

A única quebra da partida aconteceu logo no primeiro game, no único break point oportunizado em todo o set inicial, e a favor de Zverev. Os dois tenistas cometeram poucos erros não-forçados em relação à winners: Medvedev teve cinco e oito, enquanto Zverev anotou cinco e quatro, respectivamente.

A diferença foi que o atual campeão colocou 74% de seus primeiros saques em quadra, e venceu 85% dos pontos nessa situação, sem dar nenhuma chance de quebra em toda a partida. Assim, o alemão fechou a parcial em 6/4, em 34 minutos.

Os dois tenistas subiram um pouco a quantidade de erros não-forçados no segundo set, mas mantiveram o alto nível no saque - Medvedev teve incríveis 77% de aproveitamento de pontos no segundo serviço, enquanto Zverev compensou com 90% no primeiro. O russo salvou o único break point que enfrentou, e a parcial se encaminhou para o tiebreak. Aí, o atual quatro do mundo errou mais do que grande parte da partida, perdeu cinco dos últimos seis pontos da série e viu o alemão fechar em 7/6(4), em 46 minutos.

Zverev teve oito aces, dois a menos que Medvedev, e cometeu três duplas faltas, uma a mais que o rival. O alemão teve 21 winners, contra 18 de Medvedev, e 19 erros não-forçados, comparados aos 16 do russo.

Medvedev, tenista com mais vitórias no circuito no ano, sai de Londres como único dos oito concorrentes sem nenhuma vitória na fase de grupos. Enquanto isso, Zverev passa em segundo lugar e enfrenta agora o #5 Dominic Thiem. A outra vaga na decisão será disputada entre o #6 Stefanos Tsitsipas e o #3 Roger Federer.

VAVEL Logo