ATP Cup: Bélgica elimina Bulgária, e Grã Bretanha avança às quartas como líder do Grupo C
Foto: Reprodução / ATP Cup

O Grupo C da ATP Cup teve uma reviravolta completa na última rodada da primeira fase. Mesmo depois de duas vitórias, a Bulgária, que liderava o grupo, acabou sendo eliminada. Isso porque a derrota de virada por 2 a 1 para a Bélgica fez com que a Grã-Bretanha garantisse o primeiro lugar, enquanto os belgas terminaram na segunda posição, ainda com chances de classificação às quartas.

Apesar da eliminação, o dia começou bom para os búlgaros. Sem tomar conhecimento, o #417 Dimitar Kuzmanov atropelou o #200 Steve Darcis e venceu por 2 sets a 0, parciais de 6/0 e 6/3, dando o primeiro ponto para a Bulgária no confronto.

Mas a partir daí começou a reação belga. No duelo entre os dois principais tenistas das duas nações, o #11 David Goffin manteve a Bélgica viva ao bater o #20 Grigor Dimitrov por 2 sets a 1, parciais de 4/6, 6/2 e 6/2, em 2h28 de partida. 

Com o confronto empatado, as duplas acabaram decidindo o rumo do grupo. Em um jogo equilibradíssimo e com emoção até o final, Sander Gille e Joran Vliegen triunfaram sobre Grigor Dimitrov e Alexandar Lazarov por 2 sets a 1, parciais de 3/6, 6/4 e 10/7, e garantiram a segunda colocação, além de mandar os búlgaros para casa mais cedo.

Grã-Bretanha está nas quartas de final

Mais cedo, os britânicos fizeram o dever de casa e arrasaram a Moldávia por 3 a 0 de forma incontestável. Nas simples, o #52 Cameron Norrie bateu o #816 Alexander Cozbinov por duplo 6/2, mesmo placar da vitória tranquila do #42 Daniel Evans sobre o #46 Radu Albot.

Já nas duplas, Jamie Murray e Joe Salisbury atropelaram Cozbinov e Albot em sets diretos, parciais de 6/3 e 6/2. Mesmo com o triunfo no confronto, a Grã-Bretanha ainda precisava de uma vitória da Bélgica por 2 a 1 sobre a Bulgária, o que aconteceu. Com isso, confirmaram a primeira colocação no Grupo C e a classificação para as quartas. 

VAVEL Logo