Em batalha de cinco sets, Djokovic vence Thiem e é octa na Austrália
Divulgação/ATP

Em batalha de quatro horas e cinco sets, Novak Djokovic venceu Dominic Thiem e se consagrou campeão do Australian Open pela oitava vez em sua carreira. O tenista sérvio é o maior vitorioso do torneio e permanece invicto nas finais. Com este resultado, voltará a ser líder do ranking na próxima atualização pela quinta vez.

Djokovic venceu o austríaco cabeça de chave número cinco com parciais de 6/4, 4/6, 2/6, 6/3, 6/4 para conquistar seu 17º Grand Slam – ficando atrás apenas de Roger Federer e Rafael Nadal que possuem respectivamente 20 e 19 títulos de Major. Esta foi a 26ª final de Major para o sérvio contra 3 de Thiem. Com este resultado, Djokovic alcança 13 vitórias e segue invicto na atual temporada.

“Eu gostaria de começar parabenizando Dominic por um maravilhoso torneio. Não era pra ter sido esta noite. Má sorte e uma partida dura, mas você esteve muito próximo de vencê-la e você definitivamente vai ter muito mais tempo em sua carreira e eu tenho certeza de que você vai ganhar um dos troféus de Grand Slam. Mais de um” disse o campeão na cerimônia de premiação.

Thiem buscava seu primeiro título de Major na carreira e, caso fosse campeão, se tornaria o segundo tenista além de Stan Wawrinka a vencer Rafael Nadal e Novak Djokovic no mesmo Grand Slam. O suíço alcançou esta marca em 2014 no torneio australiano – ano que foi campeão.

Pela primeira vez na Era Aberta três finais seguidas de Grand Slam foram definidas no quinto set. Wimbledon e US Open na temporada passada e o Australian Open neste ano. Djokovic esteve presente na final da grama sagrada e em Melbourne Park e foi campeão nos dois eventos. Nos últimos 15 anos, o atual campeão do torneio australiano venceu, ao menos, um troféu por temporada.

O sérvio começou firme com seu serviço e devolvendo alto índice de bolas com o segundo saque de Thiem. Uma quebra foi suficiente para que conseguisse abrir 4/1 no placar. Não se deixando levar pela desvantagem, o austríaco conseguiu empatar em 4/4, mas logo teve seu serviço quebrado novamente após disparar uma dupla falta, fazendo assim com que Djokovic abrisse 6/4 na primeira série.

Mais errático nas duas parciais seguintes, o cabeça de chave alcançou a marca de 25 erros não forçados contra 18. Com isso, Dominic virou o placar e venceu os dois sets seguintes. No terceiro set, Nole venceu apenas 46% dos pontos com seu segundo saque. O tenista da Sérvia chegou a pedir atendimento médico fora da quadra – o que fez com que a partida fosse interrompida por cinco minutos.

O detentor de 17 Grand Slams comentou a Aussie TV que ele não tinha nenhuma lesão específica. Ele apenas sentiu que lhe faltava energia e ficou um pouco tonto durante os pontos, mas que começou a se sentir melhor na quarta série.

Voltando a sacar bem no quarto set, o campeão perdeu apenas dois pontos com seu primeiro serviço e disparou apenas cinco erros não forçados. Pressionando o segundo serviço de seu adversário, Thiem venceu apenas 22% dos pontos.

Na última parcial, o austríaco teve percentual inferior de pontos vencidos tanto com o primeiro quanto com o segundo serviços em relação a Djokovic. Uma quebra do octacampeão foi suficiente para que liquidasse a partida em 4 horas e se consagrasse campeão do torneio.

Domi agora possui 16 vitórias e seis derrotas em partidas que vão para o quinto set considerando as últimas 52 semanas. Djokovic, no mesmo período, venceu oito e perdeu sete.

MEDIA: 5VOTES: 4
VAVEL Logo