Thiago Wild tem grande atuação, mas cai para Coric no Rio Open
(Foto: Divulgação/Rio Open)

Foi por pouco, mas não teremos um representante brasileiro nas quartas de final no torneio de simples do Rio Open de 2020. O #206 Thiago Seyboth Wild foi derrotado pelo croata #32 Borna Coric por 6/3, 1/6 e 7/6(5), em jogo novamente marcado pela superação do paranaense, fogo da torcida, forte jogo mental e claro, momentos históricos.

Os primeiros games do primeiro set começaram até bem disputados. Porém, mais experiente e com muito mais bagagem, Coric soube variar bem o seu estilo de jogo e, mesmo com a torcida estando contra ele, conseguiu fechar o primeiro set por 6/3.

O segundo set foi o oposto, totalmente controlado por Thiago Wild. Botando as bolas na quadra, ele explorou bastante os erros do croata, que parecia estar mentalmente fora do set. O brasileiro soube explorar bem esse momento e aplicou um sonoro 6/1.

O terceiro e último foi extremamente disputado. Quando o jogo estava em 5/5, Coric sacou e errou três vezes. Thiago teve três break points (0-40). Era a principal chance do brasileiro de quebrar o serviço e sacar para o jogo. Porém, o croata correu atrás do prejuízo e com uma força mental absurda, conseguiu a recuperação e fechou o game. Wild ganhou o seguinte e o jogo seguiu para o tiebreak.

Coric chegou a abrir 4-0 no placar, mas Wild buscou e foi atrás, fazendo 4-3. Novamente no saque, o cabeça de chave quatro errou e tudo ficou igual. Porém, o croata utilizou de dois erros do brasileiro para abrir 6-4. O primeiro match point foi salvo, mas o cabeça de chave quatro finalizou a partida na sequência: 7/6(5).

Thiago agora vai disputar o ATP de Santiago na semana que vem. O sonho de ter um brasileiro campeão de simples do Rio Open, ficará para a próxima edição.

Coric enfrenta nas quartas de final do ATP 500 do Rio de Janeiro o italiano #52 Lorenzo Sonego, que desbancou o cabeça de chave dois, #23 Dusan Lajovic.

VAVEL Logo