Fernandez conquista virada em cima de Stephens e avança às quartas de Monterrey
Foto: Divulgação/WTA

Na madrugada desta quinta-feira (5), a americana #37 Sloane Stephens entrou em quadra para enfrentar a canadense #126 Leylah Annie Fernandez nas oitavas de final do WTA de Monterrey. A americana ex-top 10 até mostrou jogo bonito, mas não eficaz o bastante para bater a jovem sensação do momento, que acabou levando a partida em 2h08 pelas parciais de 6/7(4), 6/3 e 6/3.

Stephens parecia ter finalmente dado fim ao início ruim de temporada em sua última partida, onde venceu, com dificuldade, a compatriota #497 Emma Navarro em três sets, mas ao que tudo indica, a americana ainda não voltou ao 100%.

Apesar de fazer ótimos pontos e ter mais experiência em quadra que a adversária canadense, Stephens não foi capaz de manter um bom ritmo durante a partida e acabou sofrendo a derrota, de virada, na segunda rodada do torneio.

Estatisticamente, a vencedora da edição de 2017 do US Open ficou muito atrás: 46% de pontos ganhos, contra 54% da canadense. A americana sofreu com o segundo serviço, onde venceu apenas 43% dos ponto, contra 70% de Fernandez.

O melhor ponto a ser destacado na partida, foi o tático: tanto Stephens como Fernandez souberam escolher bem a escolha de shots, com a americana apenas sabendo ler melhor a partida de forma geral, mas tendo sérios problemas em finalizar pontos.

Stephens sai do torneio com sua primeira vitória da temporada conquistada, mas segue com o péssimo recorde de 1-5 em 2020.

Enquanto isso, a canadense, que vem de vice-campeonato em Acapulco, segue fortíssima e com mais uma ótima vitória no currículo para as quartas de final do Abierto GNP Seguros. Fernandez enfrenta a seguir a  vencedora do confronto entre a cabeça de chave um, #7 Elina Svitolina, e a #142 Olga Govorstova.

VAVEL Logo