Bouchard consegue revanche contra Zidansek e segue viva no WTA de Praga
Foto: Divulgação/WTA

Em um reencontro após partida longa em Wimbledon 2019, a #330 Eugenie Bouchard conseguiu a revanche e bateu a #72 Tamara Zidansek nas oitavas de final do WTA de Praga, nesta quinta-feira (13). A canadense precisou de 2h50 para fazer 7/6(2), 6/7(2) e 6/2. Este é o quarto torneio de Bouchard no ano e ela chega às quartas de final pela segunda vez.

Zidansek começou a partida muito sólida, cometendo poucos erros e com um dropshot afiado para contrastar com a potência de Bouchard. Aos poucos, porém, a eslovena passou a cometer mais erros, enquanto a canadense, em seu estilo mais agressivo, conseguia entrar no saque da rival.

No quarto break point que teve, Bouchard conseguiu a quebra e fez 3/2. Zidansek, porém, aproveitou logo na sequência para empatar em sua primeira chance de quebra. A canadense teve mais uma chance de tomar a vantagem ao quebrar no 11º game, mas novamente não conseguiu confirmar o saque e a decisão foi para o tiebreak.

No game de desempate, Bouchard dominou. Ela cometeu apenas um erro não-forçado e conseguiu saques importantes, incluindo seu quinto ace na partida, e fechou em 7/6(2), após 1h11.

Bouchard começou melhor a segunda parcial, consistente no saque e com uma quebra importante no quinto game para fazer 4/1. Após este começo ruim, porém, Zidansek conseguiu se recompor, passou a dominar os pontos e fez uma sequência de três games para empatar a série. As duas conseguiram passagens consistentes pelo saque e a decisão foi mais uma vez para o tiebreak.

Desta vez, Zidansek foi quem passeou. Após perder o primeiro ponto no seu saque, Bouchard passou a errar muito e viu a eslovena abrir 5-0. Ela até conseguiu duas mini-quebras para voltar a sonhar com o set, mas cometeu uma dupla falta e perdeu o ponto seguinte: 7/6(2), em 59 minutos.

Com uma quebra logo de cara, Bouchard conseguiu retomar a confiança no início do terceiro set. Errando menos, a canadense manteve a compostura e conseguiu duas quebras para abrir 5/1. Ela enfrentou o primeiro break point do set no oitavo game, mas conseguiu reagir e fechou a vitória com 6/2, em 42 minutos.

No total, Bouchard teve mais winners - 33 a 31 - e também mais erros não-forçados - 39 a 35. A canadense aproveitou quatro de nove break points, enquanto Zidansek conseguiu três de seis. Genie teve todos os aces do jogo, seis, e quatro a um em duplas faltas.

Nas quartas de final do Prague Open, Bouchard desafia a belga cabeça de chave número três, #23 Elise Mertens, que vem de vitória em dois sets contra a #71 Camila Giorgi.

VAVEL Logo