Em batalha de três sets, Murray vence Zverev e se garante nas oitavas em Cincinnati
Foto: Cincy Tennis/Divulgação

Em batalha de 2h32 e três sets, o #134 Andy Murray venceu o #7 Alexander Zverev, e garantiu assim sua vaga nas oitavas de final no Masters 1000 de Cincinnati nesta segunda-feira (24), em Nova Iorque, onde o torneio está sendo disputado por causa da pandemia.

Com a vitória de hoje, o ex-número um do ranking voltou a bater um tenista top 10 pela primeira vez desde 2017. Esta foi a 34ª vez que Murray bateu um dos dez tenistas mais bem ranqueados em um torneio de Masters 1000.

Uma quebra no quarto game foi suficiente para Murray apenas administrar a vantagem e vencer o primeiro set por 6/3, em 48 minutos. Apesar de ter disparado uma bola vencedora a mais (oito a sete), Zverev disparou 16 erros não-forçados contra apenas quatro do escocês. O bicampeão do torneio foi superior ao pontuar mais tanto com o primeiro quanto com o segundo serviço.

Sacando melhor na segunda parcial, Zverev perdeu apenas um ponto com seu primeiro serviço. O alemão disparou 12 bolas vencedoras a duas e cometeu nove erros não forçados a sete. O número sete do ranking chegou a ter dois break points contra no primeiro game, mas conseguiu confirmar. Com apenas uma quebra no oitavo, sacou para o set e, na primeira oportunidade, fechou em 6/3, em 43 minutos.

Murray chegou a abrir 4/1 na última parcial, mas, com muitos erros não forçados, viu o alemão virar para 5/4. Sacando para o jogo, Zverev cometeu três duplas faltas - ele teve 11 na partida do total -, inclusive uma que foi suficiente para o jogo ficar empatado em 5/5. Confirmando seu serviço com facilidade, bastou ao britânico quebrar novamente o saque do alemão para liquidar o set por 7/5 e vencer o jogo em 2h32.

O britânico terá pela frente no Western & Southern Open o canadense #30 Milos Raonic, que vem de vitória sobre o #28 Dan Evans, parciais de 6/3 e 7/5. Eles se enfrentaram 12 vezes, com nove vitórias de Murray.

VAVEL Logo