Djokovic discorda de desclassificação por acertar juíza: "Não vai para o hospital por isso"
Foto: Reprodução/US Open

Após ser quebrado no 11º game da partida contra o #27 Pablo Carreno-Busta, o #1 Novak Djokovic estava andando para o banco e jogou uma bola para trás e acertou a juíza de linha, neste domingo (6), no Arthur Ashe Stadium, quadra principal do US Open. Com isso o jogo foi interrompido e o árbitro principal decidiu que o sérvio seria desclassificado do torneio.

Quando o árbitro entrou na quadra, Djokovic tentou argumentar para tentar não ser desclassificado. "Ela não tem que ir pro hospital por causa disso", disse o líder do ranking da ATP, tentando minimizar o fato de ter acertado a árbitra de linha dizendo que ela não foi gravemente ferida.

Ainda tentando não ser desclassificado, o sérvio falou: "Você vai escolher o padrão nessa situação? Minha carreira, Grand Slam, palco central".

A regra diz que tenistas que acertarem juízes ou torcedores com uma bolada, mesmo de forma não intencional, podem ser desqualificados. Além de ser eliminado, Djokovic sai sem a pontuação e premiação do torneio e ainda vai receber uma multa.

Djokovic também se recusou a participar da coletiva de imprensa após a partida. Por isto, ele vai se receber outra multa da organização do US Open.

VAVEL Logo