Trevisan consegue maior vitória da carreira contra Bertens e segue em Roland Garros
Foto: Clément Mahoudeau/FFT

As surpresas não param em Roland Garros. Neste domingo (4), a qualifier #159 Martina Trevisan conquistou sua primeira vitória diant/e de uma top 10 na carreira e se garantiu nas quartas de final. Ela bateu a #8 Kiki Bertens com duplo 6/4, em 1h37, na quadra Suzanne Lenglen.

Trevisan não ficou atrás do placar em nenhum momento do jogo. No set inicial, ela chegou a abrir 5/1 antes de ser quebrada duas vezes seguidas. Bertens sacou em 4/5, chegou a ter game point para empatar, mas perdeu seu saque pela terceira vez no jogo e viu a italiana fazer 6/4, em 42 minutos.

Na segunda parcial, a italiana abriu 3/0, mas Bertens empatou e teve três break points para virar o set, mas Trevisan se segurou e, na sequência, quebrou de novo para fazer 5/3. A holandesa então precisou quebrar para se manter viva e teve outra chance de sacar em 4/5. E falhou novamente. Ela saiu perdendo por 0-40, salvou dois match points, mas, com um lob perfeito, a qualifier completou seu conto de fadas: 6/4, em 55 minutos.

No total, Trevisan teve 22 winners, contra 13 de Bertens, e cometeu 27 erros não-forçados, cinco a menos que a holandesa. A italiana teve aproveitamento bem superior com primeiro (54% a 49%) e segundo serviço (55% a 38%).

Semifinalista júnior em Roland Garros e Wimbledon em 2009, Trevisan ficou fora do tênis por quatro anos para lutar contra anorexia e depressão. Este é apenas o seu segundo Slam na carreira profissional - ela caiu na primeira rodada do Australian Open deste ano. Com a campanha em Paris, a italiana de 26 anos garante a entrada inédita no top 100 - no momento, ela subiria para a o 82º lugar.

Nas quartas de final do Aberto da França, ela terá pela frente outra novata neste estágio de um Slam. Trevisan vai enfrentar a #53 Iga Swiatek, 19 anos, que vem de vitória contundente sobre a #2 Simona Halep, parciais de 6/1 e 6/2.

VAVEL Logo