No reencontro após desqualificação no US Open, Djokovic bate Carreño Busta em Paris
Foto: Divulgação/Roland Garros

No reencontro após a fatídica partida no US Open, o #1 Novak Djokovic, que foi eliminado após acertar uma bolinha na juíza no confronto com o #18 Pablo Carreño Busta em Nova Iorque, desta vez bateu o espanhol por 3 a 1 nas quartas de final em Roland Garros. O sérvio anotou 4/6, 6/2, 6/3 e 6/4, em 3h13, nesta quarta-feira (8), na quadra Philippe Chatrier.

Djokovic foi quebrado três vezes no jogo, duas na primeira parcial. No set inicial, o sérvio cometeu 16 erros não-forçados e teve somente sete winners, enquanto Carreño Busta anotou nove e oito, respectivamente.

Depois disto, porém, Djokovic se impôs. Ele terminou a partida com 72% de pontos vencidos com o primeiro saque e salvou 10/13 break points que enfrentou. Na diferença entre bolas vencedoras e erros não-forçados, os números foram equilibrados - o sérvio teve 53 e 41, enquanto Carreño Busta anotou 42 e 29, respectivamente.

Campeão de 2016 em Roland Garros, Djokovic chega pela décima vez às semifinais em Paris. Ele caiu nesta fase em 2007, 08, 11, 13 e 19, e foi vice-campeão três vezes (2013, 14 e 15).

Em busca de sua quinta final no Aberto da França, Djokovic encara o #6 Stefanos Tsitsipas, que vem de vitória em três sets sobre o #12 Andrey Rublev.

VAVEL Logo