Zverev supera irregularidade e vence Sinner em Colônia
Alexander Zverev venceu Jannik Sinner no ATP Colônia 2 2020 (ATP/Divulgação)

Assim como todo e qualquer esporte, o tênis é dinâmico. Por vezes, uma partida muda de maneira acachapante em poucos instantes. E foi isso que aconteceu no duelo entre #7 Alexander Zverev e #46 Jannik Sinner. No fim, anfitrião superou as adversidades e venceu por dois sets a zero nas semifinais do ATP 250 de Colônia 2.

A partida teve uma série de situações diferentes conforme se desenrolava. O primeiro set, praticamente, não teve semelhança alguma com o segundo. Nas parciais, 7/6(3) e 6/3 para o alemão, campeão em Colônia na semana passada.

Loucura, loucura, loucura

Logo no quarto game, Sinner quebrou o saque de Zverev após momento de sete pontos disputados. No sétimo, nova quebra - agora, foi o italiano quem não conseguiu confirmar o serviço. 

O final do período foi insano. Nos últimos quatro games, quatro quebras de serviço. Mais do que isso: nos quatro primeiros pontos do tiebreak, três quebras de serviço - os dois primeiros inclusos. Pior para Sinner, que não confirmou o saque três vezes no decisivo instante e perdeu por 7-3 o game desempate.

Poucos erros

Após um primeiro set maluco, o segundo correu mais dentro da normalidade. Não deu a impressão, porém, que seria assim. No segundo game, primeiro sacado foi Sinner, o serviço foi quebrado. 

A temperatura da partida voltou a esquentar no sexto game. Em longos nove pontos, Sinner confirmou o serviço. No seguinte, nada mais, nada menos que 15 pontos. Zverev enfrentou dois break points, mas recuperou todos e confirmou o saque. 

Dali em diante, o alemão apenas administrou a vantagem e fechou o segundo set em 6/3, garantindo a vaga para o final.

O que vem por aí

Na final do bett1HULKS Championship, Alexander Zverev enfrentará o #9 Diego Schwartzman, que venceu nas semifinais o  #22 Félix Auger-Aliassime, que tinha sido finalista no torneio da semana passada em Colônia.

VAVEL Logo