Nur-Sultan: com grande segundo set, Millman conquista primeiro título contra Mannarino
Foto: Divulgação/ATP

A carreira de #45 John Millman, embora reconhecida pelo grande público, carecia de um título de relevância. Neste domingo (1º), essa lacuna na carreira do australiano desapareceu. Ele conquistou o ATP de Nur-Sultan 2020 em bela exibição, sobretudo no segundo set.

Millman enfrentou na decisão o #39 Adrian Mannarino, que entrou em quadra com certo favoritismo por ter um ranqueamento melhor, apesar do retrospecto ruim em finais (um título em dez decisões após a derrota no Cazaquistão).

Equiíbrio

O primeiro set, é bem verdade, foi muito bem disputado pelos tenistas. Teve alternativas, games curtos, longos, variações. O primeiro momento sacado por Mannarino, por exemplo, teve sete pontos. O nono game contou com extenuantes treze pontos (e três break points), mas conseguiu ser confirmado por Millman.

No game seguinte sacado pelo australiano, por sinal, mais dificuldades: nove pontos e dois break points, mas saque confirmado. O 6/5, por sinal, não se tornou um tiebreak por conta de um erro de Mannarino - que parecia mais vivo naquele momento. Em apenas cinco pontos, ele teve o saque quebrado - e Millman fechou o período em 7/5.

Passeio

Ao longo do segundo set, Mannarino sacou três vezes. Na primeira delas, o saque foi confirmado com dificuldades: foram sete pontos - mais do que três dos quatro momentos sacados por Millman, por sinal.

Nos dois serviços seguintes do francês, mais do que dificuldades, vieram quebras de serviço. O quarto game do set teve treze pontos e quatro break points até que Millman se impusesse. No sexto, apenas cinco pontos. Com 5/1 no segundo set, o australiano fechou o jogo com alguma dificuldade, mas de primeira: em sete pontos e salvando um break point.

VAVEL Logo