Raonic salva match points e elimina Humbert em jogo dramático no Masters 1000 de Paris
Milos Raonic venceu Ugo Humbert no Masters 1000 de Paris (ATP/Divulgação)

Conforme um torneio vai chegando ao seu final, a tendência é que os confrontos fiquem ainda mais equilibrados. Foi exatamente isso que acontece nesta sexta-feira (6), no Masters 1000 de Paris. Em partida muitíssimo parelha, o #17 Milos Raonic precisou reverter uma grande desvantagem no tiebreak no terceiro set e salvou match point antes de vencer o #34 Ugo Humbert.

Raonic fechou a partida em 6/3, 3/6 e 7/6(7), em 2h20.

Emoção

O primeiro game da partida já mostrou o quanto a peleja seria equilibrada. Em nove pontos, Raonic precisou salvar dois break points para confirmar o serviço. No quarto game, ele quebrou o saque do rival e abriu 3/1 de vantagem. Mais do que isso: no sexto momento, Humbert necessitou de longos treze pontos para confirmar o saque. De nada adiantou: o canadense fechou o período em 6/3.

Rapidez

O segundo set teve poucas emoções, ao contrário do primeiro. Apenas um game teve seis pontos. O grande ponto alto do período foi o segundo game: Humbert rejeitou o saque do rival e confirmou a vitória em 6/3.

Altas pontuações, cansaço e redenção

O segundo set começou fervendo. Sete pontos no primeiro game, com saque confirmado por Raonic; nove no segundo, vencido por Humbert; 11 no quarto.

Após toda a tensão de tais momentos (foram sete break points na soma desses três games), seguiu-se um período no qual os dois tenistas sentiram o desgaste. Foram cinco games com quatro pontos, o máximo registrado até o tiebreak

No instante decisivo, Humbert chegou a fazer 5-1 e, depois, 6-4, mas Raonic salvou dois match points, inclusive um deles em um ponto de 30 trocas de bola. Após dois pontos consecutivos, o canadense conseguiu a classificação para a semifinal do certame.

O que vem por aí

Na semifinal do Rolex Paris Masters, Raonic enfrentará #5 Daniil Medvedev, que vem de vitória sobre o #9 Diego Schwartzman.

VAVEL Logo