Ramos-Viñolas derrota Bagnis em longo jogo e vai à final em Córdoba
Foto: Divulgação/Cordoba Open

O #47 Albert Ramos-Viñolas está na final do ATP 250 de Córdoba. Algoz do favorito Diego Schwartzman na rodada anterior, o espanhol acabou com o sonho da torcida de uma final argentina ao derrubar neste sábado (28), o #130 Facundo Bagnis.

O placar do duelo de semifinal foi de 2 sets a 1, com parciais de  7/5, 5/7 e 6/3 a favor do espanhol. O confronto foi muito intenso e teve quase três horas de duração. O último set foi o único a ter menos de uma hora de jogo, com 38 minutos.

A partida foi tão equilibrada, que nenhum se sobressaiu ao outro nas estatísticas. O único ponto que fez a diferença a favor de Ramos-Viñolas foi que o oponente teve grande inconsistência em seus games de serviço. O aproveitamento no total foi regular, mas não impediu que o argentino ficasse contra a parede em diversos momentos.

Bagnis enfrentou 18 break points no total. Ele conseguiu se recuperar em 72% deles, uma porcentagem de sucesso até maior que a do adversário que teve 50%, mas ainda assim acabou sofrendo cinco quebras. O espanhol perdeu três games de saque em seis oportunidades cedidas.

Albert Ramos-Viñolas poderia, inclusive, ter terminado o duelo mais cedo e evitado o cansaço. A vitória estava em suas mãos, com parcial de 5/4 e saque no segundo set, mas a chance foi desperdiçada. Depois de vencer a primeira etapa por 7/5, ele viu o oponente dar o troco na mesma moeda.

Nada disso, porém, afetou o desempenho do número 47 do ranking na etapa final. O tenista europeu abriu na frente do placar com quebra logo no primeiro game e manteve a liderança sem ser ameaçado em nenhum momento. Ele ainda venceu no saque do adversário mais uma vez no último game para fechar em 6/3, e a partida em 2 a 1.

Com a vitória, Ramos-Vinolas vai à final do torneio para tentar o seu terceiro título na carreira. Seu oponente será o argentino estreante #335 Juan Manuel Cerundolo, que derrotou o #Federico Coria também por 2 a 1 nas semis. Aos 19 anos, o dono da casa se tornou o mais jovem tenista a chegar à final da sua primeira disputa de chave principal em um torneio ATP desde Santiago Ventura, em 2004, no ATP de Casablanca.

VAVEL Logo