Kasatkina bate Sasnovich e garante festa russa no WTA 500 de São Petersburgo
Daria Kasatkina venceu Aliaksandra Sasnovich no WTA 500 de São Petersburgo 2021 (WTA / Divulgação)

Foi uma verdadeira batalha nas oitavas de final do WTA 500 de São Petersburgo 2021 nesta quarta-feira (18). A favorita, entretanto, venceu. Jogando no país natal, a #61 Daria Kasatkina, cabeça de chave 8, bateu a bielorrussa #97 Aliaksandra Sasnovich por dois sets a um.

Após 2h50 de jogo, o primeiro set foi vencido por Sasnovich por 7/5. No seguinte, a russa fez 6/3, e, no derradeiro, o 7/6 veio após 7-2 no tiebreak. Kasatkina, inclusive, garantiu a festa russa: das oito quadrifinalistas, sete são do país-sede. Tal situação não acontecia desde 1993, quando, no antigo WTA de Oakland, sete norte-americanas chegaram à fase.

De virada

Logo no segundo game, Sasnovich quebrou o saque da adversária - e, no momento seguinte, abriu 3/0 de vantagem. A situação foi devolvido no quinto game, quando, após treze pontos e três break points, foi a vez de Kasatkina mostrar força. A partir do sétimo game, todos tiveram, ao menos, sete pontos - sendo o maior deles, o décimo, com 11 pontos. Após quebras de serviço no oitavo, nono e décimo segundo momentos, a bielorrussa venceu o longo primeiro período por 7/5.

De nove games no segundo período, seis tiveram quebra de saques. Os dois primeiros sacados por Sasnovich inclusos - o que deu a Kasatkina uma precoce vantagem de 3/0. No quarto e quinto momentos, duas rejeições. Por fim, a partir do oitavo game, duas novas quebras de serviço - que deram a vitória para a russa por 6/3. O momento mais duradouro foi o segundo, um dos poucos com serviço preservado, com nove pontos.

O terceiro set começou com games curtos - e, para variar, quebras de saque no primeiro e quarto momentos. Após momentos mais longos (o sexto, o nono e o décimo tiveram sete pontos), duas sequês de dois serviços rejeitados (sétimo e oitavo, e 11º e 12º) encaminharam a partida para o tiebreak - sendo que, no décimo game, Kasatkina teve um match point desperdiçado. Jogando em casa, a ex-top 10 se impôs ao abrir 4-1 e, a partir de então, administrou a vantagem até vencer por 7-2 e fechar a última parcial da longa partida por 7/6.

O que vem por aí

Nas quartas de final do St. Peterseburg Ladies Trophy, Kasatkina enfrentará sua compatriota, a #36 Veronika Kudermetova, cabeça de chave 2, que venceu também em jogo duríssimo a #150 Kamilla Rakhimova.

VAVEL Logo