Konjuh surpreende mais uma vez e bate Swiatek em Miami; Svitolina confirma retrospecto
Foto: Divulgação/WTA

Após superar muitos problemas físicos, a #338 Ana Konjuh finalmente está retomando sua forma. Ex-top 20, a croata de 23 anos entrou no WTA 1000 de Miami como convidada e garantiu vaga às oitavas de final neste sábado (27). Ela superou a #16 Iga Swiatek em três sets, parciais de 6/2, 2/6 e 6/4, em 2h15.

Konjuh chegou a Miami sem vitórias em nível WTA desde 2018. Agora, ela acumula duas vitórias seguidas contra tenistas do top 20 - ela bateu a #19 Madison Keys na rodada anterior.

As estatísticas demonstram o nível de atuação de Konjuh contra Swiatek, que normalmente consegue se impor pelo peso de bola. A croata teve incríveis 40 winners e apenas 18 erros não-forçados, contra 27 e 21 da polonesa, respectivamente. A ex-top 20 ainda teve dez aces.

Esta já é a segunda melhor campanha de Konjuh em um torneio da série WTA 1000 na carreira - ela foi até as quartas em Dubai 2017. Ela encara nas oitavas de final a #57 Anastasija Sevastova, que avançou após desistência da #3 Simona Halep.

Svitolina mantém 100% contra Alexandrova

A #5 Elina Svitolina avançou às oitavas de final ao bater pela terceira vez em seis meses a #34 Ekaterina Alexandrova. Svitolina anotou 7/6(1) e 6/4, em 1h38.

Alexandrova chegou a sacar para o jogo em 5/4 no primeiro set, quando foi quebrada pela segunda vez no jogo. Svitolina chegou a vencer dez pontos seguidos entre o 12º game e o tiebreak, que fechou em 7-1.

No segundo set, a russa foi a primeira a ceder o saque, mas conseguiu reagir logo em sequência no quinto game. Outra vez, porém, ela vacilou no momento decisivo. Sacando em 4/5, a cabeça de chave 30 cometeu sua oitava dupla falta logo quando enfrentava o primeiro match point e acabou cedendo a vitória.

Svitolina agora espera nas oitavas de final do Miami Open a vencedora do confronto entre a #10 Petra Kvitova e a #18 Johanna Konta, campeã de 2017.

VAVEL Logo