Após quase três horas, Nishikori vence Pella na estreia em Barcelona
Kei Nishikori venceu Guido Pella no ATP 500 de Barcelona 2021 (ATP  Divulgação)

Começar um torneio com uma partida de quase três horas de duração deixa evidente o grande equilíbrio técnico. Foi dessa maneira que começou o ATP 500 de Barcelona. No primeiro dia, o bicampeão do torneio, #39 Kei Nishikori, venceu #50 Guido Pella por dois sets a um, em 2h41.

O argentino venceu o primeiro set por 6/4. No segundo, o japonês venceu no tiebreak - o 7/6 veio após parcial de 7-4 no momento decisivo. Desgastado, o sul-americano foi superado no último período por 6/2. 

Estreia equilibrada

O primeiro set caminhava com games curtos e confirmados até o quarto momento. No quinto, após 12 pontos, Pella aproveitou o quinto break point para rejeitar o adversário. O sul-americano teve dificuldades para confirmar o oitavo e o décimo games (com dez e oito pontos, respectivamente), é bem verdade, mas fechou a parcial em 6/4.

Se o primeiro set começou com games curtos, o segundo teve momentos longos, em sua maioria. O segundo e o sexto tiveram dez pontos, enquanto o terceiro, quarto, nono e 11º se encerraram, apenas, após oito pontos de disputa.

O argentino quebrou o saque do japonês no quinto game - que devolveu no oitavo momento. No 11º game, Pella voltou a rejeitar Kei Nishikori e estava a um momento de vencer a partida, mas teve o serviço quebrado na sequência. No tiebreak, o argentino abriu vantagem de 3-0, mas viu o asiático virar e impor 5-3. Após três saques seguidos quebrados, o melhor ranqueado conquistou o 7/6 no período após 7-4 no momento mais decisivo.

Logo no primeiro game do terceiro set, o argentino teve o serviço rejeitado. Após longos 14 pontos, Nishikori confirmou o saque no segundo momento - e voltou a quebrar o saque do adversário na sequência.

Após dois games com oito pontos e um break point em cada um deles, foi a vez de Pella voltar a sonhar, rejeitando o asiático no sexto momento. Não durou muito: no sétimo, o japonês impediu que o sul-americano confirmasse o próprio saque pela terceira vez no set. A um game da vitória, Nishikori não refugou e fez 6/2 logo na sequência.

O que vem por aí

Na segunda fase do Barcelona Open Banc Sabadell, Nishikori enfrentará o chileno #22 Cristian Garín, que folgou na rodada de estreia.

VAVEL Logo