Nishikori elimina Khachanov em partida de quase quatro horas em Roland Garros
Kei Nishikori venceu Karen Khachanov em Roland Garros 2021 (ATP / Divulgação)

Mais um cabeça de chave foi vencido precocemente em Roland Garros 2021. Nesta quarta-feira (2), o #25 Karen Khachanov foi vencido pelo #49 Kei Nishikori após cinco sets e foi eliminado na segunda rodada do Slam.

No primeiro set, 6/4 a favor do russo - com o japonês empatando na sequência por 6/2. Os placares se inverteram na sequência: no terceiro, 6/2 para Khachanov; no quarto, 6/4 para Nishikori. No desempate, o 6/4, novamente, favoreceu o nipônico.

Japonês prevalece

O tenista japonês encontrou dificuldades para acertar o saque no primeiro set. No terceiro game, Nishikori precisou de dez pontos (e resgatar um break point) para vencer; no quinto, ele teve o serviço quebrado - antes disso, no quarto, foi Khachanov quem vaiclou, precisando de oito pontos e salvar um break point. No sétimo, novamente, o ex-top 5 precisou de dez pontos para confirmar o saque. Não foi o suficiente, entretanto, para impedir que o russo cravasse 6/2 e encerrasse a primeira parcial.

Em games majoritariamente curtos (os três últimos tiveram cinco pontos e foram os maiores), o japonês reagiu no segundo set ao quebrar o serviço de Khachanov no quarto e no oitavo momentos - encerrando a contagem em 6/2.

Embora o 6/2 final tenha sido idêntico (mas a favor do russo), o enredo do terceiro set foi bem diferente do anterior. No segundo game, Khachanov precisou de catorze pontos e ultrapassar cinco break points para confirmar o próprio serviço - mesmos catorze pontos que fizeram com que o russo quebrasse o saque do adversário no segunda chance de quebra. No sexto momento, Nishikori, mais uma vez, teve o saque quebrado - e o russo fechou a parcial na sequência, com um 6/2.

O japonês teve o saque quebrado no terceiro game do quarto set, mas ele respondeu logo na sequência, após dez pontos. Daí em diante, uma grande sequência de games longos, todos confirmados - com um break point no primeiro deles e dois no restante: o quinto e o sexto tiveram nove pontos; o sétimo, 16; e, o oitavo, 12. A quebra de saque favorecendo Nishikori no décimo momento encerrou o período em 6/4.

O set decisivo passou a ter games longos no quarto momento, com 12 pontos (e dois break points salvos) para Khachanov confirmar o saque - no seguinte, Nishikori preciso de oito pontos para confirmar o serviço. O russo passou a ter dificuldades no final da partida, precisando de doze pontos (e salvando um break point) para para confirmar o oitavo game e, no décimo, o japonês conseguiu quebrar o saque do adversário, encerrando a batalha em 6/4.

O que vem por aí

Na terceira rodada de Aberto da França, Nishikori enfrentará o suíço #150 Henri Laaksonen, que vem de vitória surpreendente sobre o #11 Roberto Bautista-Agut.

VAVEL Logo