Pavlyuchenkova chega à inédita final de Slam após derrotar Zidansek em Roland Garros
Anastasia Pavlyuchenkova venceu Tamara Zidansek em Roland Garros 2021 (WTA / Divulgação)

Pesava contra #32 Anastasia Pavlyuchenkova o fato de nunca ter chegado às semifinais de um Slam. Em Roland Garros 2021, ela, enfim, chegou a tal fase. E, agora, ela vai além: a russa venceu a #85 Tamara Zidansek por dois sets a zero e tornou-se finalista do torneio. A vitória aconteceu nesta quinta-feira (10) e veio por dois sets a zero.

O primeiro set teve parcial de 7/5, enquanto o segundo foi vencido por 6/3. A peleja teve 1h36.

Russa fazendo história

Demorou para que Anastasia Pavlyuchenkova entrasse na partida. No primeiro game do jogo, sacado por ela, a russa foi rejeitada por Zidansek no segundo break point, após dez pontos. A melhor ranqueada reagiu no quarto momento, quebrando o serviço da adversária depois de oito pontos.

A partir do oitavo game, duas quebras de serviço após momentos longos: no oitavo, oito pontos; no décimo, dez - e três break points para a eslovena confirmar a quebra do saque. Os dois últimos momentos do set também foram marcantes: no 11º, dez pontos e dois break points rejeitados pela russa; no 12º, quebra de saque - e Pavlyuchenkova fechando o período em 7/5.

Mais games longos no começo do segundo set: no primeiro game, dez pontos para a russa confirmar o saque. Depois, uma sequência de três games rejeitados que acabou com vantagem de 3/1 para Pavlyuchenkova - o primeiro deles teve longos doze pontos e a russa aproveitou o segundo break point.

No sétimo momento, a melhor ranqueada voltou a ter o saque quebrado, mas, logo na sequência, Zidansek também não confirmou o serviço. Logo no game seguinte, veio a vitória de Pavlyuchenkova por 6/3.

O que vem por aí

Na final de Aberto da França, Pavlyuchenkova enfrentará a vencedora do confronto entre #33 Barbora Krejcikova e #18 Maria Sakkari.

VAVEL Logo