Zverev derrota Khachanov e ganha medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Tóquio
Foto: Divulgação/ITF

O #5 Alexander Zverev atingiu o feito mais marcante de sua carreira até o momento na madrugada deste domingo (1º). O alemão conquistou o título olímpico do torneio de simples masculino em Tokyo 2020, após vitória sobre o russo #25 Karen Khachanov na final.

O placar foi da decisão foi de 2 sets a 1, com parciais de 6/3 e 6/1. Zverev faturou o primeiro ouro da Alemanha na história do tênis em Olimpíadas em apenas 1h21. Essa também foi a quarta medalha dourada do país nesta edição dos Jogos, que o colocou em 11º no quadro geral.

A partida do alemão contra o russo foi muito dominante. Agressivo, o número 5 da ATP não deu chances para que o oponente pudesse entrar em jogo. Khachanov não conseguiu nem impor sua força característica no saque, com forte pressão na devolução vinda do outro lado da rede.

Zverev venceu quase metade (49%) dos pontos iniciados pelo adversário, que teve apenas sete winners anotados, além de onze duplas faltas. O alemão conseguiu 27 bolas vencedoras no total, o que lhe deu uma grande vantagem no duelo, mesmo tendo mais erros que o oponente, com 15.

Com esse cenário, aquele que sairia vencedor teve somente um break point contra em toda a partida, que ainda foi salvo. Enquanto isso, o russo cedeu oito chances de quebra para o alemão, das quais o segundo aproveitou metade, garantindo duas vitórias no serviço do outro em cada set e um triunfo tranquilo no final. Este foi o quarto ouro da Alemanha em Tóquio.

Após a surpreendente conquista, Zverev volta seu foco a tentar ganhar o primeiro Grand Slam da carreira. Ele buscará a marca no US Open a ser jogada a partir de 30 de agosto, torneio em que ele já bateu na trave no ano passado, ao perder na final de virada para Dominic Thiem por 3 a 2.

VAVEL Logo