Em jogo dramático de quase 5 horas, Tsitsipas estreia no US Open com vitória contra Murray
Ex-número 1 do mundo reclamou muito da postura do rival (Foto: Garret Ellwood/USTA)

No jogo mais esperado da rodada inicial do US Open, o grego #3 Stefanos Tsitsipas venceu o britânico #112 Andy Murray, ex número 1 do mundo por 3 sets a 2 nesta segunda-feira (30). Tsitsipas fechou a partida polêmica com parciais de 2/6, 7/6(7), 3/6, 6/3 e 6/4, em 4h50.

A partida foi complicada e com certeza ficará na história do torneio. Tsitsipas entrou sendo o favorito e logo nos primeiros games percebeu que a vitória não viria de maneira fácil. Murray não mediu esforços para abrir 5/1, com backhands soltos e erros do adversário que permitiram duas quebras e o set terminado em 6/2. 

O segundo set foi mais equilibrado. Os dois tiveram duas quebras, mas a decisão so veio no tiebreak. O ex número 1 chegou a abrir 5-2, mas Tsitsipas virou e venceu o game por 9-7. No terceiro set, Murray continuava jogando um bom tênis, utilizando de seus backhands e de subidas à rede com voleios curtos, não demorando muito para conseguir a vantagem da disputa novamente por 6/3. 

O grego pediu atendimento médico logo após perder o set anterior, mas voltou à quadra no pique. O britânico, por sua vez, deixou o nível cair e abriu chance para o oponente forçar o quinto set, com um 6/3.

As vaias e a reclamação de Murray vieram após Tsitsipas parar o jogo mais uma vez para ir ao banheiro por mais de dez minutos, mas não se importando com isso e continuou jogando tudo que podia. Foi vaiado mais uma vez quando parou para trocar a raquete no sexto game, quando o placar marcava 0-30 e, mais uma vez sem se incomodar, teve a vitória, fechando com 6/4.

O britânico não escondeu o descontentamento após a partida e ofereceu um aperto de mãos frio ao rival. Esta foi a primeira vez na carreira que Murray, campeão de 2012, caiu na estreia no Aberto dos EUA.

O que vem por aí

O grego enfrenta na próxima fase em Nova Iorque o #44 Adrian Mannarino, que também jogou cinco sets para eliminar o #104 Pierre-Hugues Herbert.

VAVEL Logo