Van de Zandschulp surpreende Rublev em São Petersburgo; Shapovalov e Bautista caem
Foto: Divulgação/St Petersburg Open

Após a grande campanha no US Open, o holandês #69 Botic van de Zandschulp consegue mais um ótimo resultado no ATP 250 de São Petersburgo. O qualifier conseguiu sua melhor vitória na carreira em termos de ranking eliminando nas quartas de final o dono da casa #6 Andrey Rublev nesta sexta-feira (29).

O holandês derrotou o cabeça de chave 1 em dois sets, parciais de 6/3 e 6/4, em 1h33. Esta é a primeira vez que van de Zandschulp vai às semis de um torneio no circuito ATP.

O primeiro set foi de games curtos, com van de Zandschulp melhor nos pontos decisivos. Ele salvou os dois break points que enfrentou, enquanto converteu os dois que oportunizou, fechando em 6/3, após somente 33 minutos.

A segunda parcial foi bem diferente e também mais longa - durou uma hora. Rublev chegou a abrir 4/2, inclusive salvando quatro break points no sexto game, mas não conseguiu manter o momentum. Depois disso, van de Zandschulp venceu quatro games em sequência e garantiu a grande vitória, frustrando o rival e a torcida russa.

Favoritos eliminados

O próximo adversário de van de Zandschulp no St. Petersburg Open é o experiente #35 Marin Cilic. O croata, que vem de vice-campeonato em Moscou, passou nas quartas pelo #20 Roberto Bautista-Agut, cabeça de chave 3. O ex-top 5 fechou a partida em três sets, parciais de 6/4, 3/6 e 6/3, em 2h34.

Cilic enfrentou 16 break points na partida, mas nenhum no terceiro set. As duas primeiras parciais demoraram quase duas horas, mas, na decisiva, o ex-top 5 prevaleceu. O croata só perdeu sete pontos no saque e, com uma quebra, decidiu a partida em 38 minutos.


Outro favorito que caiu foi o #13 Denis Shapovalov, segundo cabeça de chave. O canadense perdeu em sets diretos para o #53 Jan-Lennard Struff, parciais de 6/4 e 6/3, em 1h21.

Shapovalov não vem em grande fase e só venceu cinco dos 14 jogos que fez desde a queda para Djokovic nas semis em Wimbledon. Struff, que nada tem a ver com isso, ampliou sua vantagem no confronto direto contra o canadense para cinco vitórias em sete confrontos.

Nas semifinais, Struff encara o #28 Taylor Fritz, que vem de vitória tranquila sobre o #57 John Millman.

VAVEL Logo