Suécia varre Canadá e larga com grande vantagem na Copa Davis 2021
Foto: Divulgação / ATP

A Suécia foi muito superior ao Canadá no primeiro confronto do Grupo B da Copa Davis 2021, em Madrid. Nesta quinta-feira (25), os escandinavos passaram com tranquilidade pelos canadenses, que estão desfalcados de suas grandes estrelas, Denis Shapovalov e Félix Auger-Aliassime.

No primeiro jogo, o #171 Elias Ymer venceu o #264 Steven Diez. Na sequência, o #93 Mikael Ymer também passou pelo #133 Vasek Pospisil. Para encerrar, nas duplas, nova vitória sueca - todas por dois sets a zero. Desta vez, André GoranssonRobert Lindstedt venceram Pospisil e Brayden Schnur.

Sem problemas

Na primeira partida do duelo, duas rejeições nos dois primeiros games da peleja - ambos com dois break points. No terceiro, Diez precisou recusar um break point e de 12 pontos para vencer; no quarto, Elias Ymer foi novamente recusado - mas o sueco refutou o canadense nos sétimo e nono momentos, fechando a parcial em 6/4. No segundo momento, o canadense foi recusado no primeiro (após oito pontos) e quinto (depois de catorze pontos, no terceiro break point) games, também sendo forçado a sacar oito vezes no terceiro momento. No final, 6/2 para o escandinavo.

Pospisil começou com dificuldades no saque na segunda peleja: 16 pontos no primeiro game, rejeição no terceiro, mais 16 no quinto. Administrando a vantagem, Mikael Ymer fechou o primeiro set em 6/4.

O sueco teve mais dificuldades no segundo período, precisando de dez pontos (e recusando um break point) para confirmar o sexto momento, mas Mikael Ymer refutou o adversário no sétimo game, após oito pontos - e, novamente, apenas administrou a vantagem para anotar novos 6/4 e vencer o segundo jogo.

Nos cinco primeiros games da partida entre duplas, quatro saques recusados - no segundo deles, Pospisil e Schnur foram batidos no segundo break point; no quinto, GoranssonLindstedt sacaram oito vezes e foram refutados. Sem mais quebras, no tie-break, os suecos abriram 4-2, 5-3, 6-4 e fecharam o desempate em 7-5, colocando 7/6 no placar. Depois, os canadenses tiveram dificuldades: no terceiro, foram dez pontos e um break point rejeitado; no nono, mais oito pontos e o saque recusado. No décimo momento, os suecos aproveitaram o terceiro match point, depois de recusar um break point, para encerrar a contagem do game no décimo segundo ponto.

O que vem por aí

As duas equipes enfrentam o Cazaquistão nos próximos dias. Primeiro, quem enfrenta os cazaques são os suecos, neste sábado (27), com os canadenses jogando no domingo (28).

VAVEL Logo