Sabalenka supera Badosa e vai à segunda final seguida em Stuttgart
Foto: Divulgação/ Porsche Tennis Grand Prix

Em duelo de alto nível, a #4 Aryna Sabalenka superou a #3 Paula Badosa nas semifinais do WTA 500 de Stuttgart, na Alemanha. Atual vice-campeã do torneio, a belarussa garantiu vaga à decisão pelo segundo ano seguido derrotando a espanhola, sua parceira de duplas, com parciais de 7/6(5) e 6/4, em 1h42, neste sábado (23).

Este foi o terceiro confronto entre elas, e a primeira vitória de Sabalenka. A belarussa compensou alguns problemas no saque - foram sete duplas faltas e oito break points cedidos - com 33 winners, mais que o dobro de Badosa (16) e ainda nove aces.

No primeiro set, Badosa, que vai assumir a vice-liderança do ranking na próxima semana, chegou a ter 5/2 de vantagem, mas Sabalenka reagiu e forçou um tiebreak. No game desempate, a espanhola novamente abriu boa vantagem, de 4-1, e, outra vez, a belarussa encontrou forças para buscar a desvantagem. Sem perder mais nenhum ponto no saque, ela venceu seis dos últimos sete pontos da parcial e fechou em 7/6(5), após mais de uma hora.

Badosa iniciou o segundo set com uma quebra, mas Sabalenka devolveu na sequência e salvou dois break points no terceiro game. Já na reta final do set, no nono game, a espanhola teve uma chance desperdiçada de quebrar outra vez e acabou perdendo os sete últimos pontos da partida, sendo derrotada pela belarussa pela primeira vez.

O que vem por aí

Sabalenka vai disputar sua 16ª final na carreira, a primeira desde o título em Madrid 2021. Na decisão do Porsche Tennis Grand Prix, ela encara a vencedora do confronto entre a #1 Iga Swiatek e a #31 Ludmilla Samsonova.

VAVEL Logo