Kerber sobrevive contra Frech e avança em Paris; Azarenka e Raducanu vencem de virada
Foto: Divulgação/WTA

Dois dias após vencer o título em Strasbourg em decisão de mais de três horas, a #17 Angelique Kerber precisou salvar dois match points diante da #89 Magdalena Frech para superar a estreia em Roland Garros 2022. A alemã anotou 2/6, 6/3 e 7/5, em 2h29, nesta segunda-feira (23).

Esta é a primeira vez desde 2018 que Kerber consegue uma vitória no Aberto da França. A alemã, que já venceu os outros três Majors, busca o título inédito para sua galeria.

Após ter seu saque dominado no primeiro set, Kerber reagiu no segundo. Com muita consistência, a alemã só cometeu dois erros não-forçados na segunda parcial e quebrou Frech quatro vezes para fazer 6/3.

Mantendo o nível, porém, Frech seguiu na luta. A polonesa conseguiu a quebra logo de cara e seguiu a vantagem até o décimo game, quando serviu para o jogo e teve dois match points desperdiçados. A experiência de Kerber, porém, pesou. A alemã venceu os três últimos games, com duas quebras, e garantiu uma grande vitória em Paris.

A próxima adversária de Kerber é a wildcard #215 Elsa Jacquemot, que vem de vitória por duplo 6/3 sobre a britânica #103 Heather Watson.

Azarenka também sobrevive a duras penas

Outra ex-número 1 do mundo que sofreu foi a #15 Victoria Azarenka,, que precisou de 3h02 para eliminar a #93 Ana Bogdan. A belarussa fez 2 sets a 1 de virada, parciais de 6/7(7), 7/6(1) e 6/2.

Em um dos primeiros jogos do dia, Azarenka perdeu o primeiro set após ter três set points no tiebreak e, após abrir 3/1 no segundo set, viu Bogdan reagir e empatar logo antes da partida ser interrompida por causa da chuva em Paris.

No retorno, Bogdan conseguiu a quebra no 11º game e sacou para o jogo na sequência, mas perdeu 11 dos 13 pontos seguintes e viu Azarenka empatar a partida. No set final, a belarussa aproveitou o bom momento para abrir 4/1 e administrou a vantagem até o fim.

A próxima adversária de Azarenka é a #65 Andrea Petkovic, que vem de vitória tranquila sobre a #84 Océane Dodin. As duas já se enfrentaram quatro vezes, com três vitórias para a belarussa.

Raducanu vence primeira em Paris

Em sua primeira participação na carreira em Roland Garros, a #12 Emma Raducanu,, atual campeã do US Open, teve um início complicado, mas bateu a qualifier #184 Linda Noskova, 17 anos, campeã de juniores do torneio em 2021.

Raducanu anotou 6/7(4), 7/5 e 6/1, em 2h40. No total, a britânica oportunizou 17 break points e quebrou o saque da tcheca, estreante em Majors, sete vezes. Nos dois primeiros sets, Noskova foi muito agressiva e somou 40 winners. Ela ainda teve quebra de vantagem em dois momentos na segunda parcial, mas a atual campeã do US Open não desistiu e venceu quatro dos últimos cinco games para empatar o jogo.

No set final, Raducanu diminuiu o volume de erros não-forçados e aí dominou. Ela só enfrentou um break point e venceu os cinco games finais para garantir o triunfo.

A próxima adversária de Raducanu será a #47 Aliaksandra Sasnovich, que vem de vitória sobre a #77 Xinyu Wang. As duas se enfrentaram em Indian Wells no ano passado, logo depois do US Open, e a belarussa venceu.

VAVEL Logo