Em jogo de Top 10, Tomas Berdych derrota David Ferrer em pleno saibro espanhol

Tcheco teve dificuldades para fechar os dois sets, mas avançou no Masters 1000 de Madri

Em jogo de Top 10, Tomas Berdych derrota David Ferrer em pleno saibro espanhol
Berdych utiliza seu poderoso forehand para vencer o jogo. (Foto: ATP/Divulgação)
Tomas Berdych
2 0
David Ferrer

O tcheco Tomas Berdych (#8) anotou grande vitória na manhã desta quinta-feira (5) no Masters 1000 de Madri, na Espanha. Na quadra Arantxa Sanchez, ele derrotou o espanhol David Ferrer (#9) por 7/6 (8) e 7/5, em  de partida. Essa foi a sexta vitória dele contra o natural de Javea, que ganhou as outras oito vezes. No saibro, o retrospecto agora é de 3-3.

A primeira parcial da partida foi de altíssimo nível. Consistente demais, Tomas tinha total controle das trocas no fundo, enquanto Ferrer ficava apenas esperando o erro do adversário. O espanhol chegou a salvar set point, e, com bons aproveitamentos de saque, o set foi para o tiebreak. 

Na decisão, Berdych seguia mais seguro, mas David não largava o jogo. Com múltiplos set points, o tcheco foi desperdiçando todos com erros bobos, desde uma aproximação de forehand até um voleio fácil em que poderia ter fechado o jogo. Mesmo assim, ele conseguiu converter o quinto set point para fechar o tiebreak em 10-8.

O tcheco seguiu melhor no segundo set. Em sua única chance de quebra, ele aproveitou e já abriu vantagem de 2/0 na partida. Apesar disso, Ferrer não se intimidou e devolveu o break de imediato, empatando a partida. O jogo seguiu equilibrado até o 4/3, quando Tomas teve três oportunidades de quebra, e passou a frente. 

Porém, quando sacou para o set em 5/4, o tcheco cometeu dupla falta no ponto decisivo e foi quebrado novamente, levando a torcida espanhola à loucura na quadra. Mas ele não conseguiu manter. Berdych foi preciso e conseguiu devolver a quebra, e, na sequência, com um ace, fechou o jogo em 7/5.

Tomas Berdych avança agora para as quartas de final do Masters 1000 de Madri, onde irá enfrentar o número dois do mundo, Andy Murray. O retrospecto aponta 7-6 para o britânico, que perdeu todos os três embates no saibro até hoje. 

O melhor do tênis mundial você acompanha aqui, na VAVEL Brasil.