Thomaz Bellucci aplica "pneu", mas é superado por Djokovic em Roma

Sérvio número um do mundo virou o jogo contra o brasileiro, depois de levar um pneu no primeiro set, e se garantiu nas quartas do Masters 1000 de Roma

Thomaz Bellucci aplica "pneu", mas é superado por Djokovic em Roma
Bellucci em ação na Itália/ Foto: Getty Images/Matthew Lewis
Thomaz Bellucci
1 2
Novak Djokovic

Essa sexta-feira (12) com certeza ficará marcará na memória dos espectadores da partida, e também dos jogadores. Em um jogo surpreende, o brasileiro Thomaz Bellucci, 37° do ranking da ATP, aplicou um pneu no sérvio número um do mundo, Novak Djokovic no primeiro set, surpreendendo a todos que assistiam a partida.

Quando pensavam que Djokovic estava entregue, o número um do mundo conseguiu a virada e venceu a partida por dois sets a um com parciais de 0/6, 6/3 e 6/2 em 1h37 de jogo. Com o resultado, o sérvio carimbou sua vaga para as quartas do Masters 1000 de Roma.

Primeiro set irreconhecível de Djoko

A primeira parcial foi toda de Thomaz Bellucci, que começou sacando com confiança e aproveitando todos erros (que não foram poucos) de Djokovic. A cada game o brasileiro crescia ainda mais no set, obtendo quebra atrás de quebra, o que culminou num sonoro 6/0 em apenas 24 minutos de jogo. O sérvio não tomava um 'pneu' desde 2012, quando perdeu para Roger Federer em Cincinnati.

Djokovic contra Bellucci na Itália/ Foto: Getty Images/Matthew Lewis
Djokovic contra Bellucci na Itália/ Foto: Getty Images/Matthew Lewis

Virada do número um do mundo

O segundo começou bem parecido com o primeiro, com um Bellucci ameaçando o saque de Djokovic já no primeiro game. O sérvio teve que suar bastante até confirmar o serviço, e de forma inusitada vibrou como se tivesse conquistado um título, levantando a platéia que assistia a partida.

Dali para frente o jogo mudou totalmente, Djokovic conseguiu encaixar seu jogo e ter mais confiança, enquanto Bellucci, apesar de estar bem na partida, não tinha a mesma facilidade do primeiro set. O brasileiro acabou sacando mal no sexto game, e com uma dupla falta cedeu a vantagem para Djokovic que abriu 4/2.

Com a vantagem no set, o sérvio só teve o trabalho de administrar bem o jogo e assim fechar a parcial em 6/3 e empatar o jogo em um a um.

Na terceira parcial, Djokovic seguiu em cima e logo de cara conseguiu uma quebra e confirmou o serviço fazendo 2/0 e jogando a pressão para o brasileiro. Com a desvantagem no placar, Thomaz Bellucci lutou bravamente, porém não conseguiu evitar uma nova quebra e assim viu o sérvio fechar a parcial em 6/2 e o jogo em dois sets a um.

Agora nas quartas, Novak Djokovic irá enfrentará o espanhol Rafael Nadal, quinto do mundo, que venceu o australiano Nick Kyrgios, 20° do ranking da ATP, por dois sets a um, com parciais de 6/7, 6/2 e 6/4 em 2h40 de jogo.

Este será o 49° jogo entre Djokovic e Nadal, com 25 vitórias do sérvio contra 23 do espanhol, que não vence Djokovic desde Roland Garros, em 2014. De lá para cá, Djokovic venceu os seis jogos contra o Touro Miúra.