Bellucci, o brasileiro mais bem ranqueado em Roland Garros

Análise sobre o desempenho do paulista ao decorrer dos anos no saibro francês

Bellucci, o brasileiro mais bem ranqueado em Roland Garros
Bellucci, o brasileiro mais bem ranqueado em Roland Garros/ Foto: Getty Images

O brasileiro melhor ranqueado, Thomaz Bellucci, garantiu sua vaga na chave principal do torneio de Roland Garros após bom desempenho este ano chegando a posição número 39 do ranking.

Sua estreia em Grand Slam foi justamente no saibro francês onde enfrentou na primeira rodada o maior vencedor do torneio, Rafael Nadal em 2008. Apesar de ter sido um jogo equilibrado, o brasileiro pecou em momentos decisivos e acabou sendo eliminado.

Em 2009 não foi muito diferente da edição anterior. Bellucci caiu na estreia do torneio contra o argentino Martin Vassalo Argüello ao sentir cãimbra e desistiu da partida quando sentiu dor no quarto set. Após este torneio, deixou de possuir ranking para disputar Grand Slam e voltou a disputar torneios de nível Challenger.

Sua melhor campanha no torneio foi durante a edição de 2010 quando perdeu nas oitavas de final enquanto jogava contra Rafa. Para alcançar tal rodada, Bellucci derrotou Michel Llodra, Pablo Andújar e o cabeça de chave número 14 do torneio Ivan Ljubicic.

Em 2011, foi eliminado na terceira fase enquanto jogava com o italiano Andreas Seppi. Uma grande surpresa foi seu desempenho nas duplas mistas onde alcançou a semifinal.

Em 2012 perdeu na estreia do torneio ao enfrentar o sérvio Viktor Troicki em uma partida de cinco sets.

No ano de 2013, Bellucci sentiu uma lesão no abdômen em abril, fazendo com que ficasse afastado do circuito mundial por 72 dias. Com isso, ficou fora de Roland Garros e até mesmo Wimbledon.

Nas últimas duas edições, o paulista venceu seu jogo de estreia, mas caiu na segunda rodada do grande torneio francês; um jogo contra o Fabio Fognini e o outro contra o japonês Kei Nishikori respectivamente.

 O brasileiro não costuma ter sorte nos sorteios de chave. Resta somente aguardar o mesmo ser feito e torcer para Bellucci ir o mais longe possível durante o maior torneio de saibro.