Novak Djokovic bate Andy Murray e conquista Roland Garros pela primeira vez na carreira

Número um do mundo derrota Andy Murray de virada, com parciais de 3/6 6/1 6/2 e 6/4, para ser campeão de Roland Garros pela primeira vez na carreira e enfim conquistar o último Major que faltava em seu currículo

Novak Djokovic bate Andy Murray e conquista Roland Garros pela primeira vez na carreira
Djokovic celebra título em Paris/ Foto: Dennis Grombkowski/ Getty Images
Novak Djokovic
3 1
Andy Murray

Neste domingo (05), o tenista sérvio Novak Djokovic venceu Andy Murray da Escócia por três sets a um, com parciais de 3/6 6/1 6/2 e 6/4. Com a vitória, o número um do mundo, enfim, se sagrou campeão do segundo Grand Slam do ano, Roland Garros

Com a conquista, o sérvio conquistou o Grand Slam

Este foi o 12º título de Major na carreira de Djokovic, sendo o primeiro nas quadras de saibro de Roland Garros. Com o título, o sérvio completa o Grand Slam, ou seja, levantou o troféu dos quatro torneios da série - Australian Open, US Open, Roland Garros e Wimbledon

O jogo

A partida começou de forma inusitada, com uma quebra para cada lado. Porém, na terceiro game, Murray conquistou outro break para abrir 2/1. A partir daí, o jogo ficou mais equilibrado, com cada tenista confirmando seu game de serviço. Mantendo a vantagem, o vice-líder do ranking da ATP fechou a primeira parcial com 6/3.

Murray celebra vitória no primeiro set/ Foto: Dennis Grombkowski/ Getty Images
Murray celebra vitória no primeiro set/ Foto: Dennis Grombkowski/ Getty Images

Djokovic começou o segundo set melhor, cometendo menos erros não forçados e fazendo vários winners. No segundo game, conseguiu a quebra para abrir 3/0 depois de confirmar seu saque. Enquanto o número um do mundo subia de produção, Murray caia cada vez mais. Sofrendo mais uma quebra, o escocês perdeu o segundo set com 6/1. 

O número dois do mundo não se encontrava no jogo, aproveitando a situação favorável, Djoko começou a terceira parcial com uma quebra. Conquistando outro break, abriu 5/1 após confirmar seu saque. Com tranquilidade, o líder do ranking da ATP fechou o segundo set com 6/2. 

Djokovic em ação/ Foto: Julian Finney/ Getty Images
Djokovic em ação/ Foto: Julian Finney/ Getty Images

O tenista da Sérvia começou a quarta parcial muito bem. Com ótimas devoluções, abriu 0/40 no saque do adversário para quebrar e abrir uma vantagem de 2/0 depois de confirmar seu saque. No sétimo, quando Murray sacava, o número um do mundo elevou seu nível de jogo e abriu 0/40. Impecável, Djoko abriu 5/2. Porém, nervoso, cometeu muitos erros não forçados, e sofreu a quebra. Cofirmando seu saque, fechou o jogo em 6/4 para, enfim, conquistar o tão sonhado título de Roland Garros

Djokovic, o campeão de Roland Garros 2016/ Foto: Julian Finney/ Getty Images
Djokovic, o campeão de Roland Garros 2016/ Foto: Julian Finney/ Getty Images

No caminho para a final, o número um do mundo passou por Yen-Hsun Lu de Taipei, Steve Darcis da Bélgica, Aljaz Bedene da Grã Bretanha, Roberto Bautista Agut da Espanha e Tomas Berdych da República Tcheca. Já na semifinal, ele bateu o austríaco Dominic Thiem por três sets a zero, com parciais de 6/2 6/1 e 6/4. Já Murray venceu o tcheco Radek Stepanek, o francês Mathias Bourgue, Ivo Karlovic da Croácia, John Isner do Estados Unidos, Richard Gasquet da França e nas semis eliminou o atual campeão Stan Wawrinka por três sets a um, com parciais de 6/4 6/2 4/6 e 6/2. 

Esta foi a quarta decisão de Roland Garros na carreira do sérvio

Esta foi a quarta decisão de Roland Garros na carreira do sérvio. Tanto em 2012, quanto em 2014, ele havia sido derrotado pelo espanhol Rafael Nadal. Já no ano passado, perdeu para o suíço Stan Wawrinka por três sets a um, com parciais de 4/6 6/4 6/3 e 6/4. Já esta foi a primeira final do Major francês para Murray, que havia sido semifinalista em 2011, 2014 e no ano passado, quando perdeu justamente para Djokovic por três sets a dois, com parciais de 6/3 6/3 5/7 5/7 e 6/1.  

Este foi o 34º encontro entre os dois em partidas válidas pelo circuito da ATP. Com a vitória, Djokovic aumentou sua vantagem no confronto direto para 24 vitórias contra apenas 10 do escocês. O último jogo entre ambos terminou com vitória de Murray na final do Masters 1000 de Roma, na Itália, em sets diretos, por duplo 6/3. 

O atual campeão do torneio era o suíço Stan Wawrinka, que na decisão do ano passado, derrotou Djokovic na final em quatro sets, com parciais de  4/6 6/4 6/3 e 6/4.

Entre os dias 22 de maio e cinco de junho ocorreu o segundo Grand Slam do ano em Paris. A melhor cobertura de Roland Garros você acompanhou na VAVEL Brasil.