Thiago Monteiro e João Souza, o Feijão, avançam no Challenger de Lyon

Brasileiros estrearam contra oponentes complicados e não tiveram jogos fáceis

Thiago Monteiro e João Souza, o Feijão, avançam no Challenger de Lyon
ThiagoMonteiro (Foto: Matthew Stockman/GettyImages)

 O segundo dia de competição da chave principal do Challenger de Lyon, nesta terça-feira (7), contou com a estreia dos brasileiros no torneio. Thiago Monteiro (#138) e João Sousa (#200), o Feijão, iniciaram seus caminhos no saibro francês com boas vitórias contra oponentes complicados.

Thiago Monteiro despachou o veterano francês Julien Benneteau (#546), ex-número 25 do mundo, em sets diretos, parciais de 6-3/6-4, em 1h10 de partida. O brasileiro já havia vencido o jogador da casa no Challenger de Aix en Provence deste ano, onde Thiago conquistou seu primeiro título ATP da carreira.

O primeiro set contou com apenas uma oportunidade de quebra, aproveitada pelo brasileiro no quarto game de jogo. Ambos os tenistas confirmavam seus serviços com facilidade e essa mínima vantagem adquirida pelo brasileiro foi importante para que ele pudesse fechar a parcial em 6-3 e se colocar a frente no placar.

Sem deixar que Thiago tomasse conta do jogo, Benneteau veio para cima logo no início do segundo set. Confirmou seu saque rapidamente e obrigou o brasileiro a salvar dois break points no game seguinte. O brasileiro, por sua vez, não ficou para trás e, na chance que teve no terceiro game, tomou pela segunda vez o serviço do francês.

Julien não se deixou abalar e, sem perder o ritmo, devolveu a quebra logo em seguida e ainda salvou outra chance de break point que Thiago teve no quinto game. A partir daí, o confronto retornou para as confirmações rápidas de serviço até o nono game, quando o brasileiro pressionou o serviço do francês arrancando um triplo break point no 4-4. Com a quebra, Monteiro pôde sacar para finalizar o jogo em 6-3/6-4 após pouco mais de 1h.

Na segunda rodada, Thiago Monteiro enfrentará o qualifier suíço Yann Marti (#342).

João Sousa, o Feijão, também venceu sua partida de estreia só que contra o argentino Renzo Olivo (#152) por dois sets a um, parciais de 6-2/5-7/6-2, em 2h08. O brasileiro teve domínio total do primeiro set, porém, viu o argentino crescer e levar a segunda parcial, tendo dez oportunidades de quebra em uma recuperação surpreendente.

Com o jogo empatado, Feijão fechou a porta para Renzo e repetiu o primeiro set se classificando para a próxima rodada, em que confrontará o francês Tristan Lamasine (#202).