Feijão derrota Lamasine e avança na França; Ghem cai na Rússia

João Souza venceu tenista da França por dois sets a um; já André Ghem foi eliminado por Jankovic em Moscou

Feijão derrota Lamasine e avança na França; Ghem cai na Rússia
Feijão derrota Lamasine e avança na França; Ghem cai na Rússia/ Foto: ATP/ Divulgação

Nesta quinta-feira (09), o brasileiro João Souza, o "Feijão", venceu Tristan Lamasine da França por dois sets a um, com parciais de 3/6 6/3 e 6/4, em duas horas e 11 minutos de jogo. Com a vitória, tenista do Brasil avançou às quartas de final do ATP Challenger de Lyon, na França.

O adversário de Feijão na próxima rodada será o argentino Carlos Berlocq - quarto cabeça de chave do torneio e 126º colocado no ranking da ATP. O tenista da Argentina vem de vitória sobre o francês Mathias Bourgue por dois sets a zero, com parciais de 6/0 e 6/3. Já o brasileiro derrotou o argentino cabeça de chave número seis da competição, Renzo Olivo, em três sets, com parciais de 6/3 5/7 e 6/2. 

Na outra partida de quartas de final, outro brasileiro - Thiago Monteiro - encara o suíço Henri Laaksonen. Monteiro vem de vitória sobre o também suíço Yann Marti por dois sets a um, com parciais de 4/6 6/4 e 6/3, e é o cabeça de chave número cinco do torneio. Já Laaksonen derrubou na estreia o segundo favorito ao título, Roberto Carballes Baena da Espanha, em sets diretos, com parciais de 7/5 e 6/0.

A partida foi equilibrada: enquanto Souza venceu 75% dos pontos com seu primeiro saque, o francês ganhou 63%. Já nos pontos disputados com o segundo serviço, o brasileiro levou 39% contra 44% de Lamasine. A diferença esteve nos break points aproveitados, visto que enquanto o tenista do Brasil quebrou o saque do adversário em quatro ocasiões, o francês conquistou um break a menos, totalizando três na partida. 

Ghem é eliminado na Rússia

Outro brasileiro em ação nesta quinta-feira foi o gaúcho André Ghem. Atuando pela segunda rodada do ATP Challenger de Moscou, na Rússia, o brasileiro foi derrotado pelo qualifier sérvio Miki Jankovic por dois sets a zero, com parciais de 7/6 e 6/4, em uma hora e 46 minutos de partida.